As Melhores Live Sessions | Maio | 2020

Live Sessions tem sido um recurso bastante utilizado pelas bandas e em maio não foi diferente. Muito por conta da necessidade de mostrar seu trabalho ao vivo para contratantes. Mas também é uma oportunidade de engajar seu público a comparecer em eventos futuros. Por isso desde 2018 reunimos as mais legais que tem surgido no país.

Confira a lista com as Melhores lançadas em Maio; e não esqueça de enviar sua live session lançada nos próximos meses, vai que ela aparece também por aqui!

As Melhores Live Sessions de 2020

Confira as listas anteriores com as melhores live sessions do independente brasileiro lançadas neste ano.

Janeiro
Fevereiro
Março
Abril

Melhores Live Sessions | Maio 2020


Ana Frango Elétrico - Melhores Live Sessions Maio 2020

Ana Frango ElétricoFoto: Divulgação


1) Ana Frango Elétrico @ Sala de Estar



Sala de Estar é uma produtora de conteúdo audiovisual e um canal de comunicação que cede espaço artístico a novos talentos musicais independentes, buscando unir conteúdo de qualidade com um ar leve e intimista.

Quem teve um Throwback Thursday por lá foi a Ana Frango Elétrico, do Rio de Janeiro, que apresentou por lá “Chocolate”, faixa presente em Little Electric Chicken Heart (leia mais).

O vídeo foi gravado em maio de 2019, e até é possível encontrar no canal um vídeo alongado da apresentação, mas em tempos de Quarentena sempre bom rever. 

2) LaBaq @Pinehouse Concerts



A Live Session volta a aparecer por aqui e logo com a LaBaq. Ela esteve presente na Pinehouse Concerts, uma plataforma de música independentes sem fins lucrativos portuguesa. O destaque fica para a ambientação e clima intimista proporcionado pela produção da session.

3) ÀYIÉ “Isadora” @ Cavalo Sessions



Em maio a Larissa Conforto teve disponibilizada no canal do Cavalo Estúdio uma live session. A faixa escolhida para o registro foi “Isadora” que teve a direção e edição de Nicolas Csiky.

4) Brisa Flow @ Sala de Estar



Sala de Estar é uma produtora de conteúdo audiovisual e um canal de comunicação que cede espaço artístico a novos talentos musicais independentes, buscando unir conteúdo de qualidade com um ar leve e intimista.

Quem teve um Throwback Thursday por lá foi a Brisa Flow que apresentou por lá “Caboclo Foi pra Selva”, faixa presente em Selvagem como o Vento (leia mais).

O vídeo foi gravado em junho de 2019, e até é possível encontrar no canal um vídeo alongado da apresentação, mas em tempos de Quarentena sempre bom rever. 

5) Tim Bernardes @ 40tena sessions



A Revista Trip durante a Quarentena preparou um novo projeto com o conceito: Música transporta, transborda, transforma. E faz companhia. Na #40tenasessions, são convidados artistas que estão isolados no combate a Covid-19 para dividirem com a gente – e com vocês – um pouco de seus sons, suas composições e pensamentos. Por novamente aparece por aqui na lista de Live Sessions (Maio 2020).

Tim Bernardes mesmo longe dos companheiros de banda aproveitou para tocar “Tudo que eu não fiz”, faixa presente no último discos d’O Terno.

6) Taco de Golfe @ No Cantinho



A produtora La Carretera tem gravado em sua sede uma série de Pocket Shows. E quem teve o vídeo disponibilizado em maio por lá foi a Taco de Golfe de Aracaju (SE). A direção é assinada por Maurício Pisani e Raoni Maddalena; Eduardo Fregolente fez a filmagem.Já a edição foi realizada por Marcelo Perdido.

7) Baboon Ha @ TQPO



Tudo Que se Pode Ouvir é a série de live sessions da produtora Umanoid e quem passou por lá recentemente foi a Baboon Ha, do Rio de Janeiro. Por lá tocaram “Sidewalk Reflection”.

“Acho que essa música mostra um lado um pouco diferente da banda, mais leve e reflexivo, como o próprio nome da música sugere. A Baboon Ha é uma banda que trabalha diversos estilos, o que às vezes resulta em músicas um pouco diferentes entre si, como mostra esse single”, conta o guitarrista e vocalista Felipe Vianna.

“‘Sidewalk Reflection’ foi escolhida para o programa por ser uma composição bem nova à época da gravação do vídeo, a qual queríamos explorar e fazer uma versão.

Ela ainda não foi gravada ‘em estúdio’ e acredito que é possível fazer arranjos bem interessantes pra ela ”, conta Vianna.

“Talvez esse lançamento represente uma variação do que a banda pode ser ao vivo e eu tenho certeza de que nós sempre estaremos nos transformando”, finaliza

8) O Grande Babaca “Perdi a Mão”



Com direção de Cassiano Geraldo e imagens capitadas por Cassiano, Leonardo H e Giuliam Uchima, O Grande Babaca, projeto de Gabriel Olivieri, lançou em maio um vídeo apenas voz e guitarra para a faixa “Perdi a Mão”. A locação foi a Dzk Filmes.

9) Caramelows “Robotização”



Caramelows relembra sua última turnê com o vídeo “Robotização”. A faixa faz parte do EP homônimo do grupo ganhou um mix de Live Session com as imagens da turnê. A banda é conhecida por ter acompanhado a cantora Liniker que agora parte em carreira solo.

“‘Robotização’ é a nossa interpretação de uma corrente musical que nos influenciou e influencia ainda hoje: a black music dos anos 60 e 70. É uma das primeiras músicas que compusemos enquanto Caramelows e de certa forma reflete também os estudos de linguagens musicais que realizamos na busca de nossa identidade para o projeto Liniker e os Caramelows, explica Péricles Zuanon.

“Ainda que contenha uma mensagem política forte, musicalmente ‘Robotização’ é despretensiosa e irreverente, características que prezamos muito ao compormos, arranjarmos e produzirmos.

Queremos criar música boa, rica e até embasada etnomusicologicamente, mas sem perder o bom humor e jamais deixando de nos divertir e entreter o público”, completa o baterista.

10) Yma @ No Âmago



Pelo primeiro mês quem aparece por aqui na lista é a No Âmago. A Live Session produzido pela produtora / selo Orelha Muda apresentará 8 vídeos em sua primeira temporada no período de dois meses.

Entre as referências estéticas abraçadas pelo projeto estão a obras de diretores surrealistas como David Lynch e Alejandro Jodorowsky. Cada episódio é composto por uma única música gravada em plano sequência e antecedida por uma introdução que serve como janela introspectiva para as composições.

O conceito do projeto incorpora como tema principal a influência da nostalgia nas inclinações e percepções artísticas como conta o release oficial.“Par de Olhos”, da YMA, é o terceiro episódio temporada da série e tem direção de Carlos Bechet e Camila Sánchez. A locação foi o Wiro Estúdio.

 

11) Betina @ No Âmago



Pelo primeiro mês quem aparece por aqui na lista é a No Âmago. A Live Session produzido pela produtora / selo Orelha Muda apresentará 8 vídeos em sua primeira temporada no período de dois meses.

Entre as referências estéticas abraçadas pelo projeto estão a obras de diretores surrealistas como David Lynch e Alejandro Jodorowsky. Cada episódio é composto por uma única música gravada em plano sequência e antecedida por uma introdução que serve como janela introspectiva para as composições.

O conceito do projeto incorpora como tema principal a influência da nostalgia nas inclinações e percepções artísticas como conta o release oficial.“Horizonte Particular”, da Betina, é o terceiro episódio temporada da série e tem direção de Carlos Bechet e Camila Sánchez. A locação foi o Wiro Estúdio.

13) Glue Trip @ No Âmago



Pelo primeiro mês quem aparece por aqui na lista é a No Âmago. A Live Session produzido pela produtora / selo Orelha Muda apresentará 8 vídeos em sua primeira temporada no período de dois meses.

Entre as referências estéticas abraçadas pelo projeto estão a obras de diretores surrealistas como David Lynch e Alejandro Jodorowsky. Cada episódio é composto por uma única música gravada em plano sequência e antecedida por uma introdução que serve como janela introspectiva para as composições.

O conceito do projeto incorpora como tema principal a influência da nostalgia nas inclinações e percepções artísticas como conta o release oficial.“Lucid Dream”, da Glue Trip, é o quarto episódio temporada da série e tem direção de Carlos Bechet e Camila Sánchez. A locação foi o Wiro Estúdio.

14) lllucas @ No Âmago



Pelo primeiro mês quem aparece por aqui na lista é a No Âmago. A Live Session produzido pela produtora / selo Orelha Muda apresentará 8 vídeos em sua primeira temporada no período de dois meses.

Entre as referências estéticas abraçadas pelo projeto estão a obras de diretores surrealistas como David Lynch e Alejandro Jodorowsky. Cada episódio é composto por uma única música gravada em plano sequência e antecedida por uma introdução que serve como janela introspectiva para as composições.

O conceito do projeto incorpora como tema principal a influência da nostalgia nas inclinações e percepções artísticas como conta o release oficial.

“Azul”, do lllucas, é o segundo episódio temporada da série e tem direção de Carlos Bechet e Camila Sánchez. A locação foi o Wiro Estúdio.

15) Mundo Inverso “Cada Dia”



O músico sorocabano Rafael Negrini que assina o projeto Mundo Inverso em abril começou um novo projeto de live sessions caseiras. Em maio ele disponibilizou o segundo vídeo da série.

“‘Cada Dia’ é a segunda música do projeto #FiqueEmcasa. Gravada diretamente da sala da minha casa em uma tarde ensolarada durante o período da quarentena.”, conta o músico paulista 

Desta forma encerrando a lista com as Melhores Live Sessions | Maio 2020. Qual foi a sua favorita?