Lista

Os Melhores Clipes Independentes | Dezembro (2021)

Confira os melhores clipes independentes lançados em Dezembro | 2021 em seleção especial feita pelo Hits Perdidos!

Melhores Clipes Independentes 2021

As listas de melhores clipes independentes 2021 estão a todo vapor no Hits Perdidos. Você já conhece e acompanha por aqui elas todo mês e damos o pontapé inicial pelo quinto ano consecutivo.

Para quem é novo por aqui seja bem-vindo e acompanhe o Hits pelas redes sociais (temos InstagramFacebookSpotify…).

2017 foi marcado pelo grande sucesso dos listões de melhores clipes independentes que até deram origem a um estudo super detalhado sobre a produção audiovisual do independente brasileiro.

Em 2018 veio a parceria com o UDIGRUDI da PlayTV onde escolhemos os mais legais para passar na programação aos domingos. O programa encerrou em Agosto de 2020 suas atividades (saiba mais como ajudar para que ele volte clicando aqui).

Listas de Melhores Clipes (2021)

* Janeiro
* Fevereiro
* Março
* Abril
* Maio
* Junho
* Julho
*Agosto
* Setembro
* Outubro
* Novembro

Seu Clipe na TV

Fizemos um guia completo de “Como fazer para seu clipe aparecer na TV?“.

Os Melhores Clipes Independentes | Dezembro (2021)

Neste mês de Janeiro trarei os melhores que saíram no último mês e que merecem destaque. Claro que o listãocontinua democrático e no fim você encontrará uma playlist no youtube – e Spotify – com os 106 coletados ao longo do mês.

A produção independente cresce a cada dia que passa e o investimento na divulgação também. Em uma geração em que poucos escutam um disco do começo ao fim, o artifício dos web clipes tem sido uma boa maneira de expor seus trabalhos.

E estes são feitos de todas formas, com alto ou baixo custo de produção. Com ideias mais certinhas a criativas. No fim das contas o que interessa é eternizar aquele momento e expor seu trabalho com a estética que mais convém atrelar a imagem da banda.

Os “Scouts” dos clipes independentes lançados em Dezembro

Em Novembro inúmeras bandas começaram a divulgar seus curtas promovendo singles antigos ou que estarão presentes em seus futuros álbuns ou EP’s.

Reunimos 106 clipes lançados neste mês que mostram alguns dos novos talentos da música independente brasileira.

O que impressiona é termos uma média de 3,45 clipes sendo lançados no independente por dia. Na lista temos 107 artistas de 14 estados.

OS SELECIONADOS TAMBÉM FAZEM PARTE DA PLAYLIST CRIADA ESPECIALMENTE PELO HITS PERDIDOS PARA ETERNIZAR OS VÍDEOS LANÇADOS NESTE MÊS DE DEZEMBRO. ALIÁS NÃO DEIXE DE SEGUIR O PERFIL DO HITS NO SPOTIFY!

1) K a m a i t a c h i “Bicho Papão”



Rafael Gonçalves – Kamaitachi – no dia 17/12 lançou o videoclipe para “Bicho Papão”. Baseado no mito do “Bicho Papão”o vídeo através de metáforas e estética dos filmes de terror personifica o pior medo das pessoas. A atriz Sofia Fornazari faz o papel da criatura na produção audiovisual que se destaca pelas atuações, caracterização, maquiagem, fotografia e edição.

A direção geral é assinada pela dupla Isabela Velkis e Stéfano Loscalzo, a direção de arte por Carolina Sabino, a produção por Marcus Maia, a direção de fotografia por Stéfano Loscalzo e a maquiagem por Gabriela Schumaker.

2) Julia Branco, Luiza Brina, Sara Não Tem Nome “Exausta”



O Clube das Exaustas, projeto que reúne as mineiras Julia Branco, Luiza Brina e Sara Não Tem Nome, revelou em dezembro o primeiro clipe pautado no cansaço. O vídeo, inclusive, foi dirigido por dirigido pela Sara Não Tem Nome ao lado da Fernanda Branco Polse e faz com que adentremos ao universo do “cansaço” através de atuações, surrealismo, coloração dos cenários e a movimentação de objetos.

“A gente está amparada na ideia “diva que tropeça”. Essa que não tem glamour algum, a diva do dia a dia.”, comenta Julia Branco, recém mãe exausta, e que gravou o clipe ainda grávida da sua primeira filha. 

Como inspiração a direção da produção audiovisual teve as pinturas de Rosa Maria Unda Souki e nas cenas de Pedro Almodóvar.

A lista de referências é vasta: a cena de Sara com os cigarros partiu da imagem de Jean Cocteau fumando; A fotografía chamada “Mop” de Alex Kisilevich, serviu de referência para cena de Luiza Brina com esfregões; Sara lotada de post-it surge a partir da obra “Remember Forget”, de Shima. O arco é longo, e chega à cultura pop contemporânea. A cena final das três fazendo a dancinha do cansaço, por exemplo, traz as artistas posicionadas tal como As Meninas Superpoderosas.

A ficha técnica também conta com direção de fotografia de Daniel Pinho, cenografia de Gabriela Brasileiro e fotografia still de Bárbara Moreira (Babs), além de apoio do Studio Pinho.

3) A Transe “Taróloga Pessimista com Sintomas de Ansiedade”



O duo capixaba A Transe lançou o seu segundo single-clipe, a faixa escolhida foi “Taróloga Pessimista com Sintomas de Ansiedade” que integra o EP Chorey programado para ser lançado neste ano. O roteiro brinca com vários personagens tentando encontrar respostas com uma taróloga em um falso plano sequência que diverte quem assiste.

“Taróloga Pessimista com Sintomas de Ansiedade foi composta de uma forma descontraída, pensando naquele momento em que buscamos respostas e não encontramos, afinal, a vida anda mesmo muito desagradável e confusa. Diante de todo o caos político, social, sanitário e mental é difícil se manter firme. Enxergamos pouca saída, mas continuamos fazendo e vivendo, mantendo um mínimo de esperança para poder continuar”, explica a dupla formada por Francesca Pêra e Fernando Zorzal.

“No final das contas, o tarot mostra que não tem muito jeito mesmo, e que quem conseguir sair dessa, vai ser por um triz”, conclui o duo sobre a produção

4) Samuca e a Selva “Jussara”



O novo clipe do Samuca e a Selva foi dirigido por Carina Mazarotto e Ricardo Sant’Anna e se passa em um boteco de roça na histórica região do Vale do Paraíba, interior de São Paulo, em 1981. Em seu roteiro a musa inspiradora Jussara, segundo os diretores ela “representa a força e liberdade da mulher brasileira, fugindo de clichês”. O vídeo foi produzido por Fuelture conta com ótima fotografia e é pautado na dança.

5) Letrux “Cuidado, Paixão”



Com referências de David Lynch, Ingmar Bergman entre outros, Letrux lançou no começo de dezembro o vídeo para “Cuidado, Paixão”. Com estética gótica e noir, o teatro e o surrealismo se unem em um vídeo cheio de simbolismos, sombras e luzes. A direção é assinada por Adriane Lisboa e Pedro Rodrigues.

6) Mini Lamers e Bemti “No Escuro”



A cantora e compositora Mini Lamers santista lançou o clipe para “No Escuro”, canção que integrará o disco Luta e Fuga e conta com a participação do mineiro Bemti. Com produção de Tejo Damasceno e direção de Caio Oviedo e Carla Zanini, o vídeo é pautado no esgotamento das relações em um espaço físico pequeno, algo que aconteceu bastante durante a pandemia levando muitos relacionamentos ao limite. O clássico filme Dogville, de Lars Von Trier, foi a principal inspiração da produção audiovisual.

“Escreve-se muito sobre corações partidos e questões existenciais, porém, quando penso em amizades, não sei o que seria de mim sem uma rede de apoio. Infelizmente às vezes os rumos se desencontram, às vezes só um lado continua tentando quando o outro já se desconectou sem aviso prévio. Não invalido as escolhas individuais, as pessoas têm fases, mas o tempo passa e a gente precisa curar os lutos, criar novos laços e deixar o passado no passado”, comenta a artista sobre a temática da canção

“A Mini me chamou antes da pandemia para participar da No Escuro com ela e, de cara, duas coisas me chamaram pra música: a sonoridade, que é um synth-pop bem diferente do que eu costumo fazer, mas com uma sensibilidade que conversa bastante com meu trabalho, e a temática.

O clipe é um jogo de imagens que foi divertido de executar e que, por algum motivo, me lembra Desventuras em Série. Talvez algo nesse clima soturno mas fraternal de pessoas quebradas tentando se ajudar de alguma forma”, conta Bemti sobre a parceria

7) Dora Morenbaum “Japão”



A cantora e compositora Dora Morelenbaum apresenta o clipe de Japão, faixa presente em seu EP de estreia, Vento de Beirada. O curta foi dirigido por Breno Moreira e apresenta um universo onírico e lúdico onde duas personagens se relacionam, uma criança e um monstro.

“Há quem interprete que eu sou a menina, ou que eu sou o monstro. Ou as duas coisas, em momentos diferentes da vida… Vai de cada um. No fim das contas, assim como a música, o clipe fala de pertencimento e identidade, como essa menina que acolhe o monstro”, conta a cantora

O elenco conta com Gabriela Duarte e Dora Morelenbaum, a direção de fotografia foi realizada por Bernardo Moreira, a coloração por Ana Escorse e a direção de arte por Thais Russo.

8) Bando Mastodontes “Xaxará”



O grupo Bando Mastodontes, de Belém (PA), lança o seu primeiro clipe-curta metragem. A faixa escolhida foi “Xaxará” e conta com uma produção repleta de multilinguagens para falar sobre ancestralidade e espiritualidade, pedindo passagem e proteção para um novo ciclo que se inicia no ano novo. O filme ainda conta com coreografia em libras, dançarinos com deficiência física e a narração da professora e pesquisadora, Zélia Amador.

“Xaxará foi um trabalho desafiador, inovador e vibrante em todas as etapas de sua construção. Xaxará foi construído a muitas mãos e em muitas línguas: do Bando Mastodontes, da coreógrafa, da comunidade surda, das intérpretes envolvidas, da produção. Ouvir a música, estudar a letra, traduzir para Libras, pesquisar e construir os sinais, colocar interpretar em Libras, ensinar a coreógrafa e os artistas, ensaiar, refazer, corrigir, mudar sinais e ver o produto final com uma produção incrível é de fazer vibrar o coração e os olhos da comunidade surda. Xaxará é uma forma de dizer SIM, pode haver acessibilidade em produções culturais! Com louvor!”, defende, Silvany Brasil, intérprete de libras

“Sempre foi uma ideia muito ousada. Juntar libras com dança e PCD tudo ao mesmo tempo! Desde pensar o roteiro, até a execução do clipe em si foram muitas idas e vindas, mas o Bando sempre esteve muito entregue, confiando muito, o que me deixava ao mesmo tempo feliz e ansiosa porque essa foi a minha primeira direção geral.”, frisa a diretora Letícia Faria

“Todo o processo da construção coreográfica do clipe “Xaxará” foi um entrelaçamento de desafios e felicidades, por ter sido a primeira vez que trabalhei com a língua brasileira de sinais e cadeirantes, então entender a dança como um caminho de muitas possibilidades e comunicação entre diferentes corpos e vivências me fez olhar além daquela caixa fechada que outrora vivia, e nem se quer percebia. Xaxará foi um grande presente, com direito a cura, benção e aprendizagem. Atotô!”, conta a coreografa Tainara Garcia

“A ideia de gravar um vídeo clipe inclusivo, mesclando  música, dança, libras e ancestralidade, surgiu do Caio Virgolino (baterista), da Letícia Faria (diretora do clipe) e do diretor e amigo, Brunno Régis. Havíamos participado de uma live para o Festival Imagine 2030, onde absolutamente todas as músicas tinham tradução em libras, e particularmente o trabalho do intérprete em Xaxará chamou muita atenção, pela qualidade e, sobretudo, pelo desafio que ele teve de enfrentar ao traduzir palavras do universo do candomblé que não tinham uma sinalização definida em libras.”, relembra o vocalista, compositor e violinista Luciano

9) cais, FACA “trópicos”



O duo paulista composto por Fábio Lamounier e Peo Tavares, cais, lançou no dia 1 de Dezembro o videoclipe para “Trópicos”, faixa que teve a produção de Siso. O roteiro é pautado no clima de azaração e contou com styling assinado por Cacau Francisco e Anuro.

A produção audiiovisual assinada pela Doma02, responsável por vídeos de artistas como Tulipa Ruiz e Carlinhos Brown, foi gravada no Estúdio Damas e o elenco conta com amigos do duo (Artur Hiroyuki, Douglas Layme, Gabeu, Iago Garcia, João Vitor Lage, Luanna Leonis, Maria do Carmo, Marina Faria, Mylena Drague, Pedro Lins, Rony Hernandes, Thiessa Torres, Tim Sanches e Vinícius Raft).

“‘Trópicos’ é uma viagem tropical sem um destino certo, assim como tantas noites e festas que vivíamos anos atrás. Essa música marca um novo momento para o cais, conecta a gente com outra parte nossa, mais festiva e que adora estar entre amigos”, diz Peo

“Trópicos é continuação do caminho que começamos a trilhar com ‘Bad Astral’: com beats mais marcados, uma proposta mais tropical e leve do que fizemos em ‘Neblina’, dessa vez estamos levando pra um outro lado nosso. Como compusemos tudo durante a pandemia, a faixa no geral é uma saudade dos tempos antes dela, mas também uma expectativa para o que vem.”, complementa Fábio Lamounier

OUTROS CLIPES INDEPENDENTES

Além dos 9 eleitos como melhores do mês de Dezembro | 2021 nas playlists do Youtube e Spotify vocês poderão encontrar os clipes dos artistas e bandas:

Haroldo Bontempo “Lamento de Solidão” feat. Lucca Noacco, Mariana Cavanellas (Belo Horizonte / MG), Pirikito “Incerteza” (ES), Tasha & Tracie “Diretoria” (São Paulo / SP), Zeferina feat. Thiago Elniño “Olwàiyé”, Táia “Dose de Amor (Mamah & Táia)” (SE), Perigosah “Deusas & Diabas” (Belo Horizonte / MG).

Melhores Clipes Independentes | Dezembro (2021)| Parte 2

Thais Badu feat. Antônio de Oliveira “Nenhum Rolê” (PA), Luiza Audaz “Genesis” (BA), Rincon Sapiência “De Onde Cê Vem?” e “Serenata” (São Paulo / SP), Silva, Marina Sena, RDD “Te Vi Na Rua” (ES), Canto Cego “Fábula de uma Granada” (Rio de Janeiro / RJ), RROCHA “Menino” (RS), Luísa Sonza “Anaconda” (Tuparendi / RS), Ina Magdala “Meu Lar Tupiniquim”, Eu, Trovador e Hotelo “Rinoceronte”.

Melhores Clipes Independentes | Dezembro (2021)| Parte 3

Tuyo “Eu Tinha Razão” (Curitiba / PR), Zerzil “Namoro de Quarentena” (Montes Claros / MG), Rodrigo Alarcon “Rivotril e a Fé” (Sorocaba / SP), Rachel Reis e Illy “Me Veja” (Salvador / BA), Pedro Mann “Andar e Ver” (Rio de Janeiro / RJ), Guerra em Paz “Campo de Batalha” (Macapá / AP), Anitta e Pedro Sampaio “No Chão, Novinha” (Rio de Janeiro / RJ), Alfamor “Semente” (Porto Alegre / RS), Tília “Venda Casada”.

Melhores Clipes Independentes | Dezembro (2021)| Parte 4

LOW MANTRA “Copule (Pt. 2)” (Belo Horizonte / MG), Ana Sucha “Chapadas e Peladas” (Brasília / DF), Raphael Costa “Saudade Não é Palavra” (PE), Fantástico Caramelo “Acreditar” (Rio do Sul / SC), Meu Preto O Malandrão, Ystefani “Momento” (Paranaguá / PR), Mel & Kaleb e Bia Ferreira “Improviso” (PR, SC), Laura Dalmás “Transcender. Amarras” (RS), TIGANÁ SANTANA & BAIANASYSTEM “Canto para Atabaque” (Salvador / BA), Carmen “Segue Seu Caminho” (Rio de Janeiro / RJ), MATTEUS e Aretuza Lovi “Te Dar (Amor)”, Greco “Firmeza” (Rio de Janeiro / RJ), Gabi Luthai, Pelé Milflows “Créditos” (São Paulo / SP).

Melhores Clipes Independentes | Dezembro (2021)| Parte 5

Sulamericana “Dia Bom” (CE), Rapha Moraes “Saudade” (Curitiba / PR), Yasmin Umbelino “Tela a Pele” (MG), Diego Tavares “Interminável” (Rio de Janeiro / RJ), Lucas Felix ft. Mariana Aydar “Convite” (Niterói / RJ), Píncaro “Carne Mármore”, Dupoint “Complexo”, Duoroots “Pra Relaxar” (Ceilândia / DF), menores atos “Muro” (Rio de Janeiro / RJ), Arama “Medusa” ft. Chibatinha (Àttøøxxá) (Itália / Bahia).

Serjão Loroza feat. Doralyce “Moprê” (Rio de Janeiro / RJ), Ana Soares “Despi do meu normal” (Araçatuba / SP), Anna Pêgo, Marco Baptista “Eu Mudo”, Kalef Castro “Pocpocpoc” (São Paulo / SP), Luíza Lapa “Tudo de Bom” (Brasília / DF), ChinainaHardcore Brasileiro” (Olinda / PE), Bia Marques “Eu Nunca Me Senti Assim” (BA), Vitão “Pensei Melhor” (São Paulo / SP), Os Últimos Escolhidos ft. Paulo Novaes “Lar” (Bauru / SP).

Melhores Clipes Independentes | Dezembro (2021)| Parte 6

Eisa Terra “Bússola” (part. Três Marias) (Porto Alegre / RS), LAVOLTA “Sinto Muito” (São Bernardo do Campo / SP), Thami e Tássia Reis “Chega de Esperar” (São Paulo / SP), Laylah Arruda “Ni Una Menos” (São Paulo / SP), Ajuliacosta, Mc luanna, Mac Júlia, Nanda Tsunami, N.I.N.A., Alt Niss “SET AJC” (São Paulo / SP), Sunflower Jam “Não Vou Mentir” feat. Juliah (À Deriva) (Brasília / DF), Just Bella, André nine & Biasi “Blame” (SP).
Ora Pro Nobis “Luz na Escuridão” (PR), RoB “A Volta” (PE), Bárbara Eugênia “O amor se acabou” (Niterói / RJ), 3030 “Novo Dia” (Porto Seguro / BA), Lucidayz “Abstinência” (SE), Caian feat. Otto “Novo Eu” (BA), Ramón Rivera “Rega Flor” (Belém / PA), Amanda Lyra “Sem Reclamar” (Curitiba / PR), Shevchenko e Elloco + Barro “Patricinha Maloqueira” (Rio de Janeiro / RJ), Martiny “Saudade Pra Inglês Ver” (RS), Meu Funeral “Então É Natal” (Rio de Janeiro / RJ), Morgado “Amor Fati” (Rio de Janeiro / RJ), Hungria Hip Hop, MC Ryan SP “Cruzeiro da Revoada” (São Paulo / SP), Jona Poeta “Beijo Sem Sabor” (RS).

Melhores Clipes Independentes | Dezembro (2021)| Parte 7

Acústicos & Valvulados “Milésima Canção de Amor” (Porto Alegre / RS), Hate Spectrum “Ask for Help” (Rio de Janeiro / RJ), Nando K “Tudo Que Foi” (Florianópolis / SC), Marinas Found “Fudidaísmo” (Pelotas / RS), Facing Death “Reviver” (Jundiaí / SP), Folky “Ouro Preto” (SP), Gui Silveiras part. Conrado Pera “Xiré” (SP), DJ Zullu, John Amplificado, Gabily “Nem Com Chip” (Duque de Caxias / RJ), Quinta Travessa “Então Vai Segurando” (São Paulo / SP), Circus “Norte da Linha” (Rio de Janeiro / RJ), Gustavo Da Lua “Abrindo Os Caminhos” (PE), Space Rave “Ibiraquera” (Porto Alegre / RS).

Jotapê “As Paredes Têm Ouvidos” (Guarulhos / SP), Paulo Beto “Não quero marcar nada” (Niterói / RJ), Danzo x Bruxo 021 “TBT” (RJ), All The Colors “Giulia” (Avaré / SP), Lou Reche “Eu sei quem sou” (São Paulo / SP), Stefano “Morena” (RJ), Elemento Principal “Pra Dizer Que Não Lembrei”, Jovem Dex, ICEDMOB, Brandão85 e Leviano “Dash”, MC Du Black “Depois de mim” (Rio de Janeiro / RJ), In No Sense “Hell Within” (CE).



PLAYLIST NO YOUTUBE (Dezembro | 2021)

Preparamos também uma playlist no Youtube com os 107 videoclipes coletados durante o mês de Dezembro | 2021
(106 possuem vídeos no Youtube). Assim quem quiser ver tudo de uma vez basta apertar o play.



PLAYLIST NO SPOTIFY (Dezembro | 2021)

Desta forma chegamos a playlist com os melhores clipes independentes lançados no mês de Dezembro (2021). Dos 106 vídeos do post, 107 têm as faixas disponíveis no Spotify (visto que o clipe do Rincon Sapiência é duplo)!

Muito disso por conta que algumas faixas serão disponibilizadas quando o EP ou álbum forem lançados na plataforma. Já outros singles por conta do artista (ou banda) não ter material por lá.

-> Siga o Perfil do Hits Perdidos no Spotify <-




Qual dos melhores clipes independentes | Dezembro (2021) você mais gostou?

Conta para gente nos comentários deste post qual dos Melhores Clipes Independentes | Dezembro (2021) você mais gostou!

This post was published on 25 de janeiro de 2022 12:15 am

Rafael Chioccarello

Editor-Chefe e Fundador do Hits Perdidos.

Posts Recentes

Virada Cultural 2022 apresenta programação descentralizada nos dias 28 e 29/05; confira a programação completa

A abertura da Virada Cultural 2022 acontece às 17h do sábado (28), com apresentação do…

20 de maio de 2022

Jair Naves apresenta lado mais experimental em “Ofuscante a beleza que eu vejo”

O quarto disco da carreira solo do músico, cantor e compositor Jair Naves, Ofuscante a…

20 de maio de 2022

brvnks revela o lado doce e o amargo do amadurecer em “meet the terrible”

Após lançar Morri de Raiva (2019) pela Sony Music, a goiana brvnks após divulgar no…

20 de maio de 2022

Lançamentos Nacionais: Maglore, Glue Trip, Luna França, OZU, Julia Baumfeld, Giovanna Moraes e Bola

Aqui no Hits Perdidos voltamos com a coluna de lançamentos nacionais, afinal de contas, maio…

20 de maio de 2022

Lista das Listas 2021: conheça quais são os 45 discos mais citados pela crítica brasileira no último ano

Lista das Listas 2021, revela quais são os 45 discos mais citados pela crítica musical…

19 de maio de 2022

Tom Misch em Porto Alegre; show acontece na sexta-feira (20/05) no MITA Day

Tom Misch em Porto Alegre, inglês se apresenta no dia 20/07; garanta o seu ingresso…

19 de maio de 2022

This website uses cookies.