Próspera, terceiro álbum da Tássia Reis, já havia ganhado produções audiovisuais para as faixas “Ansiejazz”, ”Pode Me Perdoar”, “Dollar Euro” e “Me Diga”, agora é a vez de “Inspira” e “Try” se somarem aos clipes da artista de Jacareí (SP).

Com direito a cores e desenhos animados o vídeo foi concebido e dirigido pelo gaúcho Pedro Borges de apenas 22 anos, também conhecido como Calundu. Ele conta que trouxe conceitos diferentes para videoclipe duplo, em “Inspira” diz que trouxe a tranquilidade e melancolia com um toque de surrealismo a tona. Já em “Try” o artista comenta:

“Para “Try” pensamos em um tom mais debochado e ao mesmo tempo extremamente real. Traz um pouco do que estamos vivendo atualmente e como a bebida, às vezes, se torna um escape. Para chegar nesse formato, analisamos referências visuais de art déco e art nouveau. Essas experimentações, buscas e testes são importantíssimas. Quando partimos para a animação, usamos várias cenas, lipsyncs e personagens”, explica o artista visual.

Tássia Reis Inspira Try Frame clipe

Frame do clipe da Tássia Reis lançado nesta segunda-feira (09/11)


Tássia Reis “Inspira, Try”

“Encontrei o Pedro no Instagram, quando ele postou uma animação e colocou uma das faixas do disco como trilha. Na hora eu pirei e pensei que tínhamos que trabalhar juntos. Foram alguns meses de dedicação e eu estou muito apaixonada pelo resultado”, conta Tássia Reis sobre o primeiro contato e produção 
Calundu e Tássia dividem a ficha técnica em Roteiro e Direção Criativa, enquanto a Ilustração, Animação e Motion Design é assinada pelo Pedro. Os clipes anteriores da paulista apareceram em nossas listas de melhores clipes mensais, já o álbum Próspera entrou na nossa lista de Melhores Álbuns Nacionais de 2019.