Confira os melhores clipes lançados em outubro de 2019 em seleção especial feita pelo Hits Perdidos!

Melhores Clipes 2019

As listas de melhores clipes 2019 estão a todo vapor no Hits Perdidos. Você já conhece e acompanha por aqui elas todo mês e damos o pontapé inicial pelo terceiro ano consecutivo.

Para quem é novo por aqui seja bem-vindo e acompanhe o Hits pelas redes sociais (temos InstagramFacebookSpotify…).

2017 foi marcado pelo grande sucesso dos listões de videoclipes que até deram origem a um estudo super detalhado sobre a produção audiovisual do independente brasileiro.

Em 2018 veio a parceria com o UDIGRUDI da Play TV onde escolhemos os mais legais para passar na programação aos domingos.

Agora temos mensalmente a lista de melhores clipes do mês e a de sessions.

A de lyric videos foi encerrada, e singles ganharão espaço na programação do Dezgovenadoz sob a curadoria do Hits Perdidos na Mutante Radio (Toda quarta-feira às 16 horas)

Udigrudi na Play TV

Em Outubro continuamos a parceria com o programa Udigrudi da Play TV, onde o Hits Perdidos seleciona semanalmente alguns clipes para aparecer por lá.

Inclusive fizemos um guia completo de “Como fazer para seu clipe aparecer na TV?“.

Vários clipes dos listões já tem aparecido na programação. Lembrando que o programa vai ao ar todos os domingos às 20:30h.


Udigrudi 420 Outubro

Brvnks, foi um dos destaques do programa do último domingo. O Udigrudi chegou a sua edição de número 420 na telinha da Play TV.


LISTAS 2019

Janeiro 
Fevereiro
Março
Abril
Maio
Junho
Julho
Agosto
Setembro

Os Melhores Clipes lançados em Outubro

Neste mês de Novembro trarei os melhores que saíram no último mês e que merecem destaque. Claro que o listão continua democrático e no fim você encontrará uma playlist no youtube –  e Spotify – com os 114 coletados ao longo do mês.

A produção independente cresce a cada dia que passa e o investimento na divulgação também. Em uma geração em que poucos escutam um disco do começo ao fim, o artifício dos web clipes tem sido uma boa maneira de expor seus trabalhos.

E estes são feitos de todas formas, com alto ou baixo custo de produção. Com ideias mais certinhas a criativas. No fim das contas o que interessa é eternizar aquele momento e expor seu trabalho com a estética que mais convém atrelar a imagem da banda.

Os “Scouts” dos clipes
lançados em Outubro

Em Outubro inúmeras bandas começaram a divulgar seus curtas promovendo singles antigos ou que estarão presentes em seus futuros álbuns ou EP’s.

Reunimos 114 clipes lançados neste mês que mostram alguns dos novos talentos da música independente brasileira.

O que impressiona é termos uma média de 3,67 clipes sendo lançados no independente por dia. Na lista temos 114 artistas de 17 estados.

OS SELECIONADOS TAMBÉM FAZEM PARTE DA PLAYLIST CRIADA ESPECIALMENTE PELO HITS PERDIDOS PARA ETERNIZAR OS VÍDEOS LANÇADOS NESTE MÊS DE OUTUBRO. ALIÁS NÃO DEIXE DE SEGUIR O PERFIL DO HITS NO SPOTIFY!

1 Luiza Lian “Iarinhas”



No dia 31/10 Luiza Lian lançou o delicado e azulado videoclipe para “Iarinhas”. A faixa que integra o disco Azul Moderno (RISCO / 2018), um dos grandes destaques de 2018 ganha uma narrativa que transcende o campo dos sonhos. Azul da cor do mar e com um ar místico todo particular ele abraça a música de maneira equilibrada e sutil.

O roteiro traz uma criança que acorda no meio da noite e sente presença das águas soterradas pela cidade. Numa jornada onírica, ela navega pela cidade de São Paulo, e conversa com os versos da canção de Luiza. O clipe foi escrito e dirigido por Pedro Serrano; e conta com a participação de Manuela Lasink e Lian.

Texto por Luiza Lian:

“Eu devia ter uns quatro anos de idade, estava indignada na calçada do restaurante  dos meus pais, no sul da Bahia, por que minha mãe não me deixava sair pra brincar na chuva. Era uma rua de terra batida e uns paralelepípedos largados, tinham tantas poças de água, que pareciam essas imagens aéreas de rios e montanhas. Uma garçonete parou do meu lado com um barquinho de papel e soltou ele no riozinho que se formou na chuva,  eu pedi pra ela fazer mais um e ficamos brincando de colocar os barcos da água e imaginar pra onde eles iriam navegar.

São Paulo

Pouco tempo depois disso voltamos pra São Paulo, eu via na TV as notícias das enchentes, ruas alagadas, e na minha inocência, achava lindo que a cidade ficasse cheia de água, e não entendia por que os carros não se transformavam em barcos pra não morrerem em baixo d’água. Minha grande meta de vida era fazer a minha mãe construir um barquinho do meu tamanho, pra eu poder navegar também, protegida da chuva, pelas águas da cidade.

Comecei a fazer Iarinhas na rua Iquiririm, antigo rio Inquirim, tinha acabado de assistir o documentário entre rios, estava bem mexida com a questão dos rios soterrados da cidade e fiquei pensando “essa rua tem o nome de um rio que a cidade sufocou”. Quando mostrei para a Leda Cartum (co-compositora dessa música), ela lembrou, que nas épocas de enchente são esses os lugares onde a água transborda com mais força, que são os rios sobrepondo o asfalto pra seguir o seu curso e crescimento, e assim escreveu o verso da música que conta essa história. Para terminar com essa saudação as Iaras, sereias dos rios, entidade nativa do Brasil, força mágica da natureza que resiste sobre os nossos pés.

Quando o Pedro me sugeriu que fizéssemos um vídeo dessa música,  eu contei pra ele essa história, que ele traduziu de uma forma tão especial nesse videoclipe.”

2 Alex Albino “AA Song”



No dia 18/10 foi a vez de Alex Albino lançar o videoclipe para “AA Song”, vídeo que foi premiado duas vezes em um festival Los Angeles. O clipe foi dirigido, editado e fotografia por Gabriel Novis e foi filmado na cidade de Oirschot (NL).

A narrativa é cinematográfica e mostra os conflitos de uma jovem. Tudo isso através de um roteiro que capta a força de superação, a rebeldia e a vitalidade.

“Esta música é um reflexo sobre algo muito forte que todos nós temos e foi um processo maravilhoso, desde a composição até a gravação onde tudo foi cuidadosamente escolhido para dar sentido imagético para quem escuta” – conta Alex Albino

3 Glue Trip feat. Joy J Music
“Friend Zone Forever”



De Surpresa! A Glue Trip volta a surpreender os fãs na manhã desta quarta-feira (02/10). E foi logo no passinho do volante em um vídeo com estética metzo Miami Vice, metzo Vaporwave. Tudo em 3D para travar a tela do seu dispositivo.

Teve até homenagem na tela do smartphone a cantora catalã, e fenômeno pop, Rosalía. Trazendo para o caldeirão dança, um misto entre cores frias e quentes e um passeio pela estética oitentista – presente tanto no universo sci-fi como nos clássicos videogames.

A faixa escolhida foi “Friend Zone Forever” parceria com a artista de R&B e Hip-Hop americana Joy J Music e está presente no ótimo Sea at Night, um dos destaques de 2018. Inclusive foi apontado dentro da nossa lista de melhores do ano.

O Instagram

Assim como seu lançamento o primeiro contato com a diretora do clipe foi meio um tanto quanto espontâneo. A videomaker chilena Josefina Ayala (Instagram) criou um vídeo em cima da música “Waves” com menos de
30 segundos e marcou a banda no instagram, simples assim.

O vocalista, e produtor musical, Lucas Moura logo tratou de mostrar interesse em uma possível colaboração ao lado de Ayala. Já com planos de criar um vídeo para “Friend Zone Forever”, eles trocarem mensagens e algumas ligações por Skype o roteiro estava fechado, assim como sua estética e um turbilhão de ideias.

“Quando estávamos fechando a ideia do vídeo eu contei que gostaria de centralizar a história na noite de três amigos e mostrei diversas imagens da minha cidade João Pessoa e de pessoas dançando em bailes funk no Rio de Janeiro.

Ela misturou tudo com suas referências e criou o universo experimental do vídeo pra contar uma
história de amor e desilusão sob duas perspectivas diferentes.

O carro é o nosso guia e nos leva diretamente para uma noite de experimentações e novas descobertas, tudo isso sendo contado através de um 3D que flutua pelos anos 80 e traz novas sensações para os ouvintes da banda”, comenta Lucas

Os Desdobramentos

Com o roteiro finalizado Josefina convocou o designer gráfico Rafael (Instagram) para ajudar na criação das paisagens visuais. Enquanto isso ela se concentrava em dar vida ao storytelling em um script no qual através de cenários psicodélicos conta a história de 3 amigos que se divertem em uma noite sem rumo e sem fim.

Para acertar os detalhes finais da edição, Lucas convocou Gabriel Rolim (Instagram) que colaborou adicionando efeitos visuais, glitches e na edição.

“Tudo aconteceu muito rápido, eu tinha essa ideia de fazer um clipe para “Friend Zone Forever”, mas depois de muitas tentativas frustradas com produtoras maiores eu decidi ir pelo caminho que já conhecia: trabalhar com artistas e videomakers independentes, que gostam da banda e que não se sentem intimidados em colaborar com outros artistas.

Eu prefiro trabalhar assim porque a coisa vai além do profissionalismo e tem a empolgação de criar algo para artistas que você gosta. Eu tenho muita sorte em ter pessoas talentosas ouvindo a Glue Trip e com fome por criar”, finaliza Lucas Moura.

4 G T’aime “Runnaway”



O duo G T’AIME (Geanine Marques e Rodrigo Bellotto) lançou no dia 18/10 um single acompanhado de vídeo para “Runnaway”. Clipe no qual o figurino, a fotografia e as luzes são o grande destaque.

A direção é assinada por Paulo Raic e conta com Flavia Pommianosky & Davi Ramos e traz também a participação especial de um dos ícones da moda e da noite paulistana: Johnny Luxo.

Runaway é uma imensa colagem onde real e onírico se chocam constantemente para espelhar e sobrepor num espaço tempo imaginário, encontros e desencontros”, relembra Raic

5 Cattarse “Ashes”



Os gaúchos da Cattarse no dia 31/10 lançaram o místico videoclipe para “Ashes”.

O dia das bruxas ter sido escolhido para o lançamento: não foi por acaso. Inclusive o filme A Bruxa está entre as inspirações para a peça audiovisual que teve como locação o interior do Rio Grande do Sul. Protagonista do vídeo, a dançarina Holle Carogne realiza inclusive uma coreografia tribal toda cheia de mistério.

6 2DE1 “Pacto de Sangue”



Para anunciar o novo disco, lançado no dia 25/10, no dia 11 o duo 2DE1 disponibilizou o vídeo para “Pacto de Sangue”. A empatia e companheirismo acabam sendo o moto do registro dirigido por Mavo Content. Sendo os grandes destaques a produção, coloração e fotografia.

7 Applegate “Acidez”



Os paulistas da Applegate tem surpreendido a cada lançamento e o vídeo para “Acidez” não foi diferente. Lançado no dia 7, o videoclipe foi elaborado através de um brainstorm conjunto entre o diretor Rafael Guerra e a banda.
O clipe prende o espectador através de sua narrativa lisérgica, tensão e paranoia. Nele a protagonista se vê presa em um círculo sem fim. Entre cores, perturbações e viagens psicodélicas. É difícil até mesmo dizer o que é real e o que é apenas uma grande alucinação.
Tivemos a sorte de contar com a Lia Petrelli e a Mariana Caruê na direção de arte, que, dentre tantas outras coisas elaboraram as performances do clipe, a Helena Freitas,  produtora que nos ajudou com as locações, equipamentos, e foi a ponte para com outros profissionais essenciais para a realização do clipe. – relembra a Applegate

8 Barbara Ohana “Chains”



No dia 25/11 foi a vez de Barbara Ohana disponibilizar o vídeo para “Chains”, este que é protagonizado por Johnny Massaro. No vídeo Massaro interpreta um rockstar solitário. A canção que integra a trilha sonora do filme Looking For a New Place to Begin reflete justamente sobre a solidão de nossos tempos e o clipe foi dirigido por Henrique Sauer.

“Esse cantor representa o palco, que começa a tomar conta da paisagem mental dele. O exterior”, conta Bárbara.

“Falando  da solidão de quem quer estar perto de alguém, de todo mundo, e acaba se perdendo. Sem a sinceridade com os próprios desejos, ele não consegue se sentir menos sozinho. Na verdade , nem ele nem ninguém”, completa a artista

9 Rincon Sapiência “Meu Ritmo”



Talvez um dos lançamentos mais esperados deste fim de ano seja o novo disco do Rincon Sapiência e aos poucos ele tem sido revelado. No dia 28/10 foi a vez do single “Meu Ritmo” ganhar um videoclipe incrível.

Com roteiro e direção de Kill The Buddha, o registro conta com um roteiro futurista e cheio dos efeitos especiais, onde as danças, o ritmo e as luzes acabam entrando em cena.

10 Brvnks “Tristinha”



Com direção de Gabriel Rolim o novo videoclipe da Brvnks também entra nos nossos destaques do mês. Inspirado no clássico cult “Fear and Loathing in Las Vegas” (Terry Gilliam), o registro traz carros, muitas composições de cores, expressões e delírios. Tendo destaque para a fotografia e convergência estética com a proposta musical.

11 Tôrta “Aí, esse dia”



No dia 09/11 foi a vez da Tôrta lançar o vídeo para “Aí, esse dia” com uma estética que lembra até mesmo Grimes e Björk. Com muito minimalismo, cortes rápidos, detalhes, aceleração e tensão.

“Tudo que eu escrevi não estava bom o suficiente (risos). Então resolvi falar sobre as sensações destes dias, em que parece que o mundo vai acabar, as coisas não funcionam como você planeja, com um monte de ideias, mas sem conseguir focar em nada.

E então tudo resulta num grande branco, que me inspirou a ideia para o clipe. O vídeo tem uma construção baseada no ciclo que percebi nas minhas crises, e leva uma mensagem, até otimista, de que tudo se dissipa”, define May Manão.

12 Luísa e os Alquimistas
“Garota Ligeira” part. Luê



Quem continua a divulgar e colher frutos de seu ótimo novo álbum, Jaguatirica Print, é a banda Luísa e Os Alquimistas, de Natal (RN). A faixa “Garota Ligeira” conta também com a participação de Luê teve clipe dirigido por Larinha Dantas.

“Juntamos um dia em casa e terminamos a letra, que tem um tom super nostálgico porque resgatamos nossas memórias de quando éramos criança, eu, em Belém, e Luísa, em Natal, ambas crescendo, tomando banho de mar e de rio, no meu caso. Quando canto essa música sinto que posso ser aquela criança de novo, livre e sem as preocupações de adulta”, conta Luê.  

O clipe conta com a participação super especial de Luê, parceira de Luísa na composição. Já rola uma sintonia muito legal entre elas, o clima de descontração e bom humor trouxe a leveza e sensualidade que o som pede e que a gente buscava também, juntando um pouco da magia do verão e os mistério das matas, nessa mistura e encontro do rio com o mar”, comenta a diretora 

13 Bruna Mendez
“Corpo Miragem”



No dia 11/10 foi a vez da goiana Bruna Mendez disponibilizar o videoclipe para “Corpo Miragem”. A fotografia e sensibilidade da sua narrativa acabam sendo os destaques da produção audiovisual.

“É uma música que fala sobre relações clichês, tudo que a gente sente quando se envolve com alguém”, conta Bruna

OUTROS VIDEOCLIPES

Além dos 13 eleitos como melhores do mês nas playlists do Youtube e Spotify vocês poderão encontrar os clipes dos artistas e bandas:

Yo Soy Toño “Hotel” (Maceió / AL), Lucas Gonçalves “Sol e Chuva” (São Paulo / SP), Tatá Aeroplano “Cores no Quarto” (São Paulo / SP), Torre “Tinta” (Recife / PE), Jair Naves “Deus Não Compactua” (São Paulo / SP), Emicida “Silêncio” (São Paulo / SP), Moons “Inside Out” (Belo Horizonte / MG), Illy “Alô, Alô, Marciano” (Salvador / BA),

Hierofante Púrpura “Cachorrada” (Mogi das Cruzes / SP),  Devise part. Lucas Guerra (Pense) “De Quanto em Quanto Tempo” (Belo Horizonte / MG), Ananda Jacques “Coroa de Prata” (Sorocaba / SP), AMEN JR “eterno pôr-do-sol” (Brasília / DF), Biltre & Lucas Estrela “Aceitar” feat. Lenine (Rio de Janeiro / RJ), Lau e Eu “Motorista” (Aracaju / SE), Laika Não Morreu! “Laika Não Morreu!” (São Paulo / SP),

Guantas “Minha Vizinha” (São Paulo / SP), YOÚN “Nova Iorque” (baixada fluminense / RJ), Versus 3 “Lapso” (São Paulo / SP), Pseudo Banda “Sussurros” (Rio de Janeiro / RJ), Bruno Bruni “Tocantins” (São Paulo / SP), Cigana “Existem Coisas Que Não Dá Pra Explicar” (Limeira / SP), Carne Doce “Amor Distrai (Durin)” (Goiânia / GO), Selvagens á Procura de Lei “Sem Você Eu Não Presto” (Fortaleza / CE)

Clipes de Outubro (Parte 2)

Pélico “Descaradamente” (São Paulo / SP), Homem Café “Estrada” (Porto Alegre / RS), Zeca Baleiro e Cynthia Luz “Mais Leve” (São Luís / MA), Corona Nimbus “Beyond Chaos” (Teresina / PI), AKEEM Music “Jorge Ben, Presidên” (Porto Alegre / RS), Tetine “Canibalia” (São Paulo / SP), maquinas “Maus Hábitos” (Fortaleza / CE), Ambivalente “Plástico” (Rio de Janeiro / RJ)

Rapha Moraes “Não Quero Mais” (Curitiba / PR), Tangerines “Rockstar” (Itaúna / MG), RAPadura & BaianaSystem “Olho de Boi” (Salvador / BA), Lucas Mayer, David Murad, Leticia Fialho “Onde a gente nunca foi” (Brasília / DF), Thalles “Crying On The Phone”, Gaby Amarantos ft. Duda Beat “Xanalá” (Belém / PA),

Sandro “Quando É Pra Valer” feat. Natália Noronha (Porto Alegre / RS), Okiah “Fuego” (São Paulo / SP), Fairy Goat “Bruise” (São Paulo / SP), Diego Xavier & Trio “Acaso” (São José dos Campos / SP), Rashid e Duda Beat “Sobrou Silêncio” (São Paulo / SP), Ment “Acceptance Letter” (São Paulo / SP), CAP “Roda Gigante” (Sorocaba / SP), Gu7o “Bae” (Maranhão), vida e nada “injuriado (curse me)” (Curitiba / PR)

Clipes de Outubro (Parte 3)

Caixalote part. Paradise Sessions “Mimimi” (Estância Velha / RS), Edgar Opcional “Sol” (Curitiba / PR), Malu Maria “Devires” (São Paulo / SP), Vanessa Farias “Chamego” (São Paulo / SP), Paredes Libertas “O Problema” (Belém / PA), Frogslake “Revolution” (Rio de Janeiro / RJ), Thiago Ramil “Clareira Criada” (Porto Alegre / RS), Sauna “Pochetuda” (São Paulo / SP), Kalebe “Essa É uma Carta de Adeus” (Duque de Caxias / RJ), Zé Leônidas “Flecha” (São Paulo / SP), Maquinários “Renascer” (Santa Catarina)

Blanchez “Bring It On” (Teresópolis / RJ), Naissius “Cigarro” (São Paulo / SP), Roger Deff “Vida que vem” (Belo Horizonte / MG), RAW “Alive or Dead” (Juiz de Fora / MG), Leo Middea “Bairro da Graça” (Rio de Janeiro / RJ), Overfuzz “Still Nothing” (Goiânia / GO), Pod Ser “Estrada” (Brasília / DF), Gabrre “…e Parabéns” (Caxias do Sul / RS), Flowers to the Ground “Just a Theory” (Fortaleza / CE), Tripa Seca “Vai Que Eu Vou” (Rio de Janeiro / RJ), Pfink “Além do Arco-Íris” (Feira de Santana / BA), Los Volks “Então É Aqui” (Santos / SP), benin “Tacape” (Rio de Janeiro / RJ), João Perreka e os Alambiques “A Boa” (Guarulhos / SP), Arthur Melo “Tejo” (Belo Horizonte / MG)

Mais Clipes (Parte 4)

Mariana Camelo “Asas pelo chão” (Brasília / DF), Meus Amigos Estão Velhos “Fui Eu” (Lauro de Freitas / BA), Ingles “Um Passo Do Céu Part. Nog”, Ação Direta “Caçador da Noite” (Dorsal Atlântica cover) (ABC Paulista), Surra “Ultraviolência” (Santos / SP), Mariana Volker “Montes Claros” (Rio de Janeiro / RJ), Fighting Stick “Maré” (Rio de Janeiro / RJ), Banda AL9 “Ela Me Ligou” (São Paulo / SP), Karol de Souza “Fé pra Tudo” (Curitiba / PR), Tiago Rosas “Crenças e Tramas” (Rio de Janeiro / RJ), Jéssica Ellen “MADÁ” (Rio de Janeiro / RJ), The Antiphon “It Isn’t too Late For Us”, Madame Tolstoy “Move On”, Chapman “Mindingoz” (Porto Alegre / RS), Felipe Borg “Tunico”, Assoalho de Órbita “Enxaqueca 68′” (Passo Fundo / RS),

LUA, Clapt Bloom “Eh Yo” (Fortaleza / CE), Sergio Ramalho “Amor por acaso” (Belo Horizonte / MG), Arthus Fochi “De Riso e Rosa” (Rio de Janeiro / RJ), Cynthia Luz & Froid “Mãos Sujas” (Rio de Janeiro / RJ), Viviane Pitaya “Andando Sozinha” (São Paulo / SP), Juca Chuquer “Começar de Novo” (São Paulo / SP), MCL “Culpados” ft. Kauanir, LC e Sem, Renato “Reinventar” (São Paulo / SP), Montanee “Weak Like a Needle” (Rio de Janeiro / RJ), Heloisa Lucas “Mundo Cão” (São Paulo / SP), Putz “Vou Cair” (São Paulo / SP), NUDZ “Time For Recreation” (Belo Horizonte / MG), Maomé “FUEGO” ft. Pedro Medz (Rio de Janeiro / RJ), Deb and The Mentals “Risco” (São Paulo / SP)

PLAYLIST NO YOUTUBE

Preparamos também uma playlist no Youtube com os 114 videoclipes coletados durante o mês de Outubro. Assim quem quiser ver tudo de uma vez basta apertar o play.



Melhores Clipes Outubro


PLAYLIST NO SPOTIFY

Desta forma chegamos a playlist com os clipes lançados no mês de Outubro (2019). Dos 114 vídeos do post, 106 possuem as faixas no Spotify.

Muito disso por conta que algumas faixas serão disponibilizadas quando o EP ou álbum forem lançados na plataforma. Já outros singles por conta do artista (ou banda) não ter material por lá.

-> Siga o Perfil do Hits Perdidos no Spotify<-



Qual você mais gostou?

Conta para gente nos comentários deste post!