Os Melhores Clipes Independentes de 2017 | Hits Perdidos

2017 ficou marcado pelo ano onde o Hits Perdidos fez uma cobertura insana de videoclipes. Foram 12 meses, 790 vídeos e 641 artistas brasileiros tendo seus vídeos por aqui. Tudo isso virou um estudo de caso bastante interessante sobre a produção de videoclipes no país.

Confira as listas:

>>>>>>Janeiro<<<<<<<<
>>>>>>Fevereiro<<<<<<
>>>>>>Março<<<<<<<<<
>>>>>>Abril<<<<<<<<<<
>>>>>>Maio<<<<<<<<<<
>>>>>>Junho<<<<<<<<<
>>>>>>Julho<<<<<<<<<<
>>>>>>Agosto<<<<<<<<
>>>>>>Setembro<<<<<<
>>>>>>Outubro<<<<<<
>>>>>>Novembro<<<<<
>>>>>>Dezembro<<<<<<

Todas as listas acompanham playlists devidamente postadas no Spotify do Hits Perdidos. Mas ficou faltando a lista das listas. Os chamados melhores videoclipes lançados no ano passado, é começo de 2018 mas ainda estamos em tempo!

Para isso decidimos usar alguns critérios para a seleção como: fotografia, adequação a estética, qualidade da produção audiovisual e entretenimento. Cada categoria com pesos diferentes.

Outro critério importante é que cada mês teria um “vencedor” e que também teríamos menções honrosas em casos onde os vídeos estiveram muito próximos de terem sido o melhor do mês. Animações também ganhariam um espaço diferenciado e seriam julgadas em outra lista.

Janeiro

Vencedor: Carne Doce “Eu Te Odeio”



A banda goiana Carne Doce tem sido uma das grandes sensações do cenário independente brasileiro nos últimos tempos. Em 2016 eles lançaram o álbum Princesa um dos grandes destaques das principais listas (de melhores) daquele ano e amplamente elogiado pela crítica especializada.

No dia 18/01 eles lançaram o clipe para a faixa “Eu Te Odeio”. Este que contou com a Direção, roteiro e direção de arte de Benedito Ferreira. Participam do curta os integrantes do grupo, Salma Jô e Macloys.

Confira também a lista de Janeiro que contou com 32 clipes e a playlist do Spotify logo abaixo.


Fevereiro

VencedorYoung Lights “Understand, Man” 



Young Lights lançou no dia 16/02 o videoclipe para “Understand, Man”. Este que conta com uma incrível fotografia, foi dirigido por Julia Violeta e produzido pelo Coletivo Imaginário. O vídeo mostra o início e o fim de relacionamentos, seus vícios e mudanças repentinas de comportamento. A construção do roteiro, cenografia e bom uso da paleta de cores também foram pontos determinantes para a escolha.

Confira também a lista de Fevereiro que contou com 47 clipes e a playlist do Spotify logo abaixo.


Março

Vencedor: Fleeting Circus “Disconnection”



No dia 10/03 a Fleeting Circus lançou o single “Disconnection” através de um divertido e descontraído clipe. Como entretenimento o vídeo é perfeito e mostra que um videoclipe não precisa ser complexo ou ter milhares de locações para se destacar dentre uma imensidão de lançamentos. Você fica vidrado assistindo esperando algo surpreendente acontecer – e acontece um pouco de tudo!

A direção ficou com Marco Aurélio Abreu, que trabalhou com a banda no vídeo de “Underground”. O clipe também conta com a participação do Patrick Laplan, que produziu o novo disco e gravou as baterias. A gravação durou um dia e foi realizada no próprio estúdio da banda, a Fleeting Cave.

“O mais importante era se divertir e fazer algo simples e direto que representasse melhor a nova fase que a banda se encontra. A gente queria algo que unisse a simplicidade da música, com a incoerência que há na letra e título da faixa”  comenta o guitarrista Felipe Vianna.

Confira também a lista de Março que contou com 75 clipes e a playlist do Spotify logo abaixo.


Abril

Vencedor: Barro “Ficamos Assim”



O cantor, compositor e produtor musical recifense, Barro iniciou sua carreira solo em 2016. Ele que lançou seu primeiro disco, Miocardio, no ano passado. “Ficamos Assim “é a segunda faixa do disco.

No dia 18/04 foi a vez da canção ganhar um clipe. Este que foi produzido por Nuvem Filmes e La Strada, com roteiro de Lorena Calábria e direção de Lorena Calábria e Mariana Zdravca.

Confira também a lista de Abril que contou com 60 clipes e a playlist do Spotify logo abaixo.


Maio

Vencedor: Sammliz “Quando Chegar o Amanhã”



A cantora paraense Sammliz lançou no dia 12/05 um belo videoclipe. Uma produção de colorir os olhos de tão ótima, a faixa escolhida foi “Quando Chegar o Amanhã” e com o brilho da discoteca – e dança – o vídeo te envolve.

A canção é uma releitura de um clássico do brega romântico espanhol que ainda na década de oitenta ganhou uma versão brasileira na época interpretada por Leonardo Sulivan. Se tornando um clássico também da música paraense. Única versão do disco de estreia de Sammliz, ela ganha toque de feminidade e melodia sombria – um tanto quanto melancólica.

O vídeo foi filmado em Belém (PA) e quis transmitir:

“Entre o sonho e o pesadelo, a trama usa a questão do feminicídio e da intolerância à diversidade para comunicar sobre a violência ao feminino e mulheres mortas em silêncio todos os dias.”

Referências:

“O clima de “Cidade dos Sonhos” (David Lynch, 2001) é proposital e quer dar o ar onírico e surrealista que é pensar na persistente coerção às mulheres binárias e não-binárias em plena época de emancipação feminina e transgênero. Outra referência utilizada para concepção do clipe foi o elogiado episódio “San Junipero”, da série Black Mirror, na ambientação que conta a história de amor que atravessa o tempo entre duas mulheres, na cartela de cores utilizada, e também na fotografia que flerta com o kitsch e o sombrio.”

A direção é assinada por Adrianna Oliveira (do curta “A Batalha de São Braz”) e tem direção de fotografia de Thiago Pelaes e direção de arte de Tita Padilha.

Confira também a lista de Maio que contou com 50 clipes e a playlist do Spotify logo abaixo.


Junho

Vencedor: Medulla “Abraço”



O Medulla (RJ) continuou em 2017 a divulgar forte o álbum Deus e o Átomo (2016). E a prova disso é o clipe de “Abraço” – lançado no dia 08/06 – que conta com uma incrível fotografia. No vídeo vemos vários casais dando “amassos” nas mais diversas situações. Podemos dizer que o amor é celebrado durante os quase 4 minutos de vídeo. A direção é assinada pela CUPA já a fotografia por Leo Kawabe. A fotografia e a delicadeza em mostrar as diferentes maneiras de amar foram os grandes destaques do curta.

Confira também a lista de Junho que contou com 61 clipes e a playlist do Spotify logo abaixo.


Julho

Vencedor: O Terno “Não Espero Mais”



Nossa maratona videoclipística (existe essa palavra?) valeu até agora por clipes como este do O Terno. “Não Espero Mais”, faixa que está no terceiro disco do trio, ganhou um clipe digno de quebrar a banca e clicar no repeat.

Feito para ser visto em óculos 3D ele “tira onda” com nossos tempos atuais onde somos a cada dia mais dependentes da internet e suas ferramentas. Ele é um digníssimo tapa na cara. O clipe foi dirigido por Filipe Franco e produzido pela Panama Filmes.

Confira também a lista de Julho que contou com 65 clipes e a playlist do Spotify logo abaixo.


Agosto

Vencedor: Scalene “Distopia”



Os brasilienses da Scalene lançaram no ano passado seu terceiro álbum, Magnetite. No dia 10/08 foi a vez da dura “Distopia” ganhar um videoclipe.

A faixa que critica líderes religiosos que usam de seu poder para se aproveitar dos fiéis e enriquecerem, os chamados “falsos profetas”. O vídeo conta com direção de Rafael Kent e roteiro escrito por Fabricio Ide.

Confira também a lista de Agosto que contou com 68 clipes e a playlist do Spotify logo abaixo.


Setembro

Vencedor: Wry “She’s Falling”



Com mais de 20 anos de estrada o WRY de Sorocaba (SP) está preparando mais um novo álbum que sai agora em 2018. Para aquecer o grupo lançou no dia 29/09 o videoclipe de “She’s Falling” este que é estrelado pela atriz Duda Gava Caciatori e dirigido/roteirizado por Ricardo Camargo (The Name, Inocentes, Shaman, Luan Santana). O single saiu pelo selo DECK DISC.

Confira também a lista de Setembro que contou com 54 clipes e a playlist do Spotify logo abaixo.


Outubro

Vencedor: Prume “606 On Fire”



No dia 02/10 foi a vez da Prume de Recife (PE) disponibilizar o videoclipe para a faixa “606 On Fire”. O vídeo foi realizado em parceria com a marca Contém Glitter, então já sabemos que brilho não poderia faltar.

A parceria nasceu de maneira um tanto quanto inusitada. A proposta inicial da canção era de tornar trilha de filme publicitário mas a conversa foi evoluindo e o clipe foi se materializando.

O vídeo conta com a participação dos bailarinos Nefertiti, Hulli Cavalcanti, Anne Costa, Effie Costa e Inaê Silva. O vídeo foi produzido por Naiara Cândido, sócia da marca Contém GIitter; maquiagem de Zé Lucas; e figurino por Babi Jácome e Thaís Sales.

“Foi uma mistura de escolha e acaso. Já era nossa intenção que ela fosse o primeiro videoclipe simplesmente por ser a única que tínhamos uma ideia plausível para a nossa realidade. Mas também  por acreditarmos muito no potencial dessa canção. Achamos que ela é uma das mais plurais em termos de sonoridade, e podemos alcançar vários nichos e chegar o mais longe possível com esse clipe”, analisa Cadu Bussad.

Confira também a lista de Outubro que contou com 104 clipes e a playlist do Spotify logo abaixo.


Novembro

Vencedor: YMA “Vampiro”



A cantora paulista Yasmin Mamedio aka. YMA lançou no dia 08/11 o trevoso clipe para “Vampiro”.

O novo single, lançado pela Matraca Records, trata do romantismo sensível que ultrapassa os sentidos humanos – explica YMA, complementando: “Vampiro está na fantasia de uma subjetividade que foge um pouco da liquidez dos afetos, e é exatamente onde eu gostaria de me perder! (risos)”.

O vídeo foi gravado em Blumenau (SC) e parcialmente filmado no brechó Paradise, organizado por Mayara Cruz (Morgy), que protagoniza o clipe junto com Gustavo Starke (N3fxt). A direção é assinada por YMA e pelo videomaker Daniel RootRider.

Confira também a lista de  Novembro que contou com 97 clipes e a playlist do Spotify logo abaixo.


Dezembro

Vencedor: Huey “PEI”



Os paulistanos do Huey estão preparando para 2018 o lançamento de seu segundo disco, Ma, e no dia 12/12 eles disponibilizaram o videoclipe para o single “Pei”.

A produção dirigida por BendLeve Filmes, conta com cenas da banda tocando e takes externos numa floresta com performance da atriz Beatriz Martinhão. A montagem ficou por conta de Bruno Henrique e a direção de fotografia e câmera são assinados por Luiz Maximiano.

Confira também a lista de Dezembro que contou com 76 clipes e a playlist do Spotify logo abaixo.


As Melhores Animações

Como dito antes seria injusto deixarmos as ótimas animações de fora de um post com os melhores clipes de 2017. Sendo assim listamos 5 que vale a pena conferir o trabalho!

Paula Cavalviuk “Morte e Vida Uterina”



O mais recente videoclipe da Paula Cavalciuk, Sorocaba (SP), é um dos mais criativos, coloridos e divertidos do ano. Foi no dia 4/10 que “Morte E Vida Uterina”, faixa que abre o álbum Morte E Vida ganhou uma animação.

Inspirada nesta idiossincrasia dos ciclos da vida a canção passa um sentido de pertencimento, um reconhecer que é inerente à mulher e às sucessivas transformações trazidas pela menstruação.

No vídeo é contada – através do artifício do stop motion – a história de uma menina que se torna mulher e no caminho é destruída e se reconstrói muitas vezes. O vídeo conta com a direção do Daniel Bruson, premiado com o curta “Pete’s Story”, no Anima Mundi 2016, e diretor de arte da série “Angeli The Killer”, e utiliza materiais como folhas secas, botões, recortes de revistas, jornais, fotografias, lãs e correntes.

A produção do clipe de “Morte e Vida Uterina” foi possível através do Apoio Institucional da Prefeitura Municipal de Sorocaba, através da Secretaria de Cultura – Lei de Incentivo à  Cultura nº 11.066/2015.


República Popular “Curió”



República Popular é uma banda manauara criada em 2009 e deve lançar seu próximo trabalho, Húmus, em 2018. As inspirações para este trabalho vão de Caetano a Bon Iver, passando por nomes como Milton Nascimento e Tame Impala. No dia 15 de agosto foi a vez dos fãs terem um primeiro aperitivo do que será este novo álbum.

E nada como uma animação incrível e muito bonita para celebrar essa nova fase. Para a missão de animar o vídeo de “Curió” foi escalada a artista Bianca Mól. A história foi criada a partir de materiais de arquivos e todo um universo de memórias, que ganharam intervenção de Bianca, cuja interpretação da letra explorou diversas linguagens narrativas.

Movido pela emoção, o vídeo conta a história de um casal do início ao fim, guiados pela flor vermelha e pelo curió, pássaro que representa um amor que é imortal.

“Ficamos muito felizes com a obra final e o sentimento foi indescritível ao assistirmos pela primeira vez. Curió já é algo marcante para nós e esperamos que muitos outros compartilhem desse sentimento com a gente”, conta Sérgio Leônidas, vocalista e baixista.


Autoramas “Meu Broto Aprendeu Karatê”



Autoramas completa 20 anos de carreira em 2018 e no dia do Rock (13/07) disponibilizou o clipe animado para “Meu Broto Aprendeu Karatê”. Esta que faz parte de compilação do selo Burguer Records (Burguer Records Latam, Vol. 1), sendo uma versão de “My Boyfriend’s Learning Karate”. O divertido vídeo foi dirigido e animado por Leandro Franco.


Kalouv “Mergulho Profundo”



Os pernambucanos da Kalouv lançaram a não tanto tempo assim o ótimo álbum, Elã. Este que resenhamos no Hits Perdidos e soa como uma excelente trilha sonora instrumental para videogame.

Para dar continuidade na divulgação do disco que saiu pelo selo Sinewave Label, no dia 21/11 eles disponibilizaram a bonita animação para a faixa “Mergulho Profundo”. O video foi realizado por Alan Holly e Rory Byrne.


Lautmusik “Stargazer”



No dia 03/08 a Lautmusik de Porto Alegre (RS) lançou o clipe para a faixa “Stargazer”. A banda shoegazer com elementos de post-punk fez uma em animação 2D para quinta faixa do álbum Juniper (2015). Este que foi lançado pelo selo Midsummer Madness.

O clipe teve a direção de Maria Alice Machado, direção de fotografia assinada por Eduardo Nascimento Rosa e produção realizada por Dr. Smith! Estúdio de Animação.


Menções Honrosas:

Confira uma lista com 18 ótimos clipes que apesar de não terem sido selecionados como os melhores de seu respectivo mês fizeram bonito em 2017.




















Playlist no Spotify

Claro que iríamos facilitar para vocês e colocar todas estas pérolas em uma só playlist no Spotify oficial do Hits Perdidos, inclusive acompanhe o Hits por lá!


Melhores Clipes 2017



Playlist no Youtube

Para quem for “preguiçoso” e quiser ver todos clipes de uma só vez: montamos também uma lista com os 35 vídeos no Youtube.


Lista de clipes na Mutante Radio

No dia 09/01 foi ao ar na Mutante Radio o programa especial onde comentamos a lista de melhores clipes. Confira os programas anteriores (e siga) no Mixcloud do Hits Perdidos.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s