Por trás do line-up: conheça mais sobre os artistas latinos do Lollapalooza Argentina

 Por trás do line-up: conheça mais sobre os artistas latinos do Lollapalooza Argentina

Las Ligas Menores – Foto Por: Ariel Marin

Descubra mais dos artistas latinos do line-up do Lollapalooza Argentina

Todos os anos as edições brasileiras do Lollapalooza ignoram sumariamente o local em vivemos e nossas origens latinas. Um erro cultural e histórico onde deveríamos ter enraizado em nossa cultura muito mais trocas.

Se formos olhar com atenção, geralmente os artistas que contemplam a maior parte dos line-ups vem de locais com Estados Unidos, Canadá e Reino Unido. E não vemos em veículos de massa dando espaço suficiente em sua programação para artistas de origem hispânica, francesa, italiana e principalmente portuguesa, já reparou nisso?

Naturalmente isso dificulta o intercâmbio e até mesmo fazendo disto uma “barreira”.

Embora algumas edições timidamente tenham feito o “intercâmbio” com alguns nomes latinos relevantes…é ainda insuficiente.

Algo que nos line-ups de Argentina Chile; e dos festivais irmãos da Colômbia e Paraguai, é mais comum. Por isso hoje selecionamos alguns artistas latinos confirmados no Lollapalooza Argentina 2022 para você conhecer. Vamos juntos nesta viagem?

Conheça mais sobre os Artistas Latinos do line-up do Lollapalooza Argentina


Lollapalooza Artistas Latinos - Line-up Lollapalooza Argentina


Las Ligas Menores

Com influências de nomes como Galaxie 500Pavement e Guided By VoicesLas Ligas Menores é um quinteto de Buenos Aires que neste ano completa 10 anos, eles que já lançaram materiais via o selo Platense Laptra (Él Mato a un Policía MotorizadoBestia Bebé e 107 Faunos), com estilo pautado no lo-fi a banda portenha já lançou dois discos de estúdio, o autointitulado em 2014 e Fuego Artificial, em 2018, além de uma série de EPs.

Com apoio do governo argentino, o grupo se apresentou na cultuada live session KEXP e teve nos últimos dias o vídeo publicado no canal da rádio estadounidense. Por lá apresentaram as faixas “Hice todo mal”, “La nieve”, “Peces en el mar”e “A 1200 km”.

Veja também nossa lista com 8 bandas independentes argentinas!



C. Tangana

Antón Álvarez Alfaro, conhecido como C. Tangana, é um rapper espanhol e também conhecido por ser ex da Rosalía. Inclusive, está em todas edições latinas do Lollapallooza menos no Lollapalooza Brasil, e foi motivo de diversas reclamações nas redes sociais do festival.

Antes da carreira solo ele era conhecido pelo grupo de rap Agorazein, até que lançou uma demo com o pseudônimo de Crema e de lá para cá viu sua carreira decolar de forma que foi apontado pela revista Forbes espanhola como um dos artistas mais criativos e influenciadores do país. Até o momento ele possuí dois álbuns, Ídolo (2007) e El Madrileño (2021).



Bruses

Daqueles fenômenos dos nossos tempos a mexicana Bruses veio diretamente do TikTok, chegando ao top #1 nos trends de seu país. De Tijuana ela tem apenas 23 anos e consegue transitar entre os cenários de pop e alternativo com facilidade. Se gosta de Billie Eilish, pode ser que seja uma boa descoberta.



Zenon Pereyra

É um artista argentino de Tandil que lançou recentemente seu álbum de estreia, Clandestino, que se destaca por misturar diferentes estilos para fazer seu pop. Até mesmo tem uma bossa nova dentro do disco, ele define até o registro como da calmaria a pista de dança. Ficou curioso?  Você pode ouvir o disco clicando aqui.



Él Mató a un Policía Motorizado

Uma das mais conhecidas pelo público brasileiro, a Él Mató a un Policía Motorizado é uma banda argentina de indie rock da cidade de La Plata criada em 2003. O rock alternativo deles funde elementos do punk rock e noise rock, sempre com guitarras distorcidas em primeiro plano. Entre as influências do grupo estão as bandas Pixies, Ramones, Weezer, Sonic Youth e The Velvet Underground.



Derby Motoreta’s Burrito Kachimba

Direto de Sevilha, na Espanha, a Derby Motoreta’s Burrito Kachimba surgiu em 2018 e mistura a piscodelia com o rock andaluz fazendo um som digamos assim: único. O grupo que já se apresentou no palco do Primavera Sound é altamente recomendável para fãs de King Gizzard & the Lizard Wizard.



Girl Ultra

Mariana de Miguel, mais conhecida como Girl Ultra, é uma artista de R&B da Cidade do México. Entre as suas influências estão Beyoncé e o Destiny’s Child, inclusive, ela tem uma música em parceria com o Cuco chamada “Damelove”.



Lucia Tacchetti

Nascida em Bahía Blanca e estudante de piano em conservatório, ela desde cedo aprendeu a tocar diversos instrumentos. Em 2014 após postar músicas ao vivo em formato acústico chamou a atenção superando mais de 700 mil views, assim foi convocada para o Sofar Sounds de Buenos Aires. Lançando seu primeiro EP em 2015 e com seu ukelele-cello chegando a ficar em segundo lugar nas paradas argentinas do bandcamp.



Emmanuel Horvilleur

O cantor argentino Emmanuel Horvilleur é conhecido por fazer parte do grupo Illya Kuryaki and the Valderramas e apresenta seu projeto solo no palco do Lollapalooza Argentina 2022. Até o momento ele possui 7 discos solos sendo o mais recente, Pitada. Ele não se prende em um estilo tendo explorado ao longo da sua carreira estilos como rock, o funk e o hip hop.



Sen Senra

Christian Senra, de Vigo na Galícia (Espanha), no ano passado lançou o disco Sensaciones, nele o artista que explora o R&B e hip hop conseguiu despontar para o cenário mundial se tornando um dos nomes mais relevantes do atual pop espanhol. Sen Senra já se apresentou até mesmo no projeto COLORS (assista aqui).



Estes foram alguns dos nossos destaques latinos para a edição do Lollapalooza Argentina. Gostaram?

Rafael Chioccarello

Editor-Chefe e Fundador do Hits Perdidos.

Related post

error: O conteúdo está protegido!!