Sexta-feira e porque não aproveitar para conferir as live sessions caseiras mais interessantes que tem rolado no exterior. Em tempos de pandemia, KEXP e Tiny Desk aderiram o formato “live sessions a distância”, na maioria das vezes de casa, e cada vez mais os artistas tem produzido conteúdos melhores nesse sentido.

Separamos quatro que nos chamaram a atenção tanto pela qualidade do material apresentado, como pela performance, como pela produção. Confira!

As Live Sessions Caseiras que você deveria ter visto

The Flaming Lips: Tiny Desk (Home) Concert

O The Flaming Lips lançou em Setembro o álbum American Head e em Outubro eles se apresentaram a distância “cada um na sua bolha”. Com direito a improvisos caseiros de tábuas e tapetes da casa, além claro das bolhas em que eles se apresentaram também em um programa de TV. Genial!



IDLES: Live on KEXP at Home

Já o IDLES optou por gravar diretamente do Abbey Road Studios mas nem por isso teve um descaso com a produção, teve toda uma atenção na iluminação para passar a sensação de como se estivéssemos em um show privado dos caras.



Hinds: Live on KEXP at Home

A banda indie espanhola Hinds se reuniu no Rock Palace Studios em Madrid para apresentar canções do álbum The Prettiest Cute que mostra uma fase mais pop. Já a apresentação mostra que a intensidade dos shows não se perdeu pelo caminho em uma live session com direito a muitas luzes neon.



Lido Pimienta: Tiny Desk (Home) Concert

A canadense nascida na Colômbia, Lido Pimienta tem sido uma das grandes revelações da música nos últimos anos, tendo lançado em abril o álbum Miss Colombia via ANTI. A produção conta com o temática a quinceañera, uma tradição que sua mãe trouxe da Colômbia.



Angel Olsen: Tiny Desk (Home) Concert

Em agosto a fantástica Angel Olsen lançou seu novo álbum, Whole New Mess. Como cenário ela escolheu o quintal de sua casa em Asheville, na Carolina do Norte, o que deu um ar intimista, delicado e em meio ao verde.