Em Dois Tons: Playlist reúne 42 bandas do Ska / Ska Punk Nacional

O Ska surgiu na Jamaica no fim da década de 50, conhecido por ser um estilo híbrido que misturava ritmos caribenhos, como mento e calipso, ao Jazz e Blues norte-americano. Foi de lá que veio a primeira onda – ou wave – do estilo.

Esta que contava com bandas do calibre de artistas e grupos como Skatalities, Desmond Dekker, The Ethiopians, Toots And The Maytals, Symarip, Prince Buster, The Wailers (banda que inclusive acompanhou a lenda do Reggae Bob Marley), Lord Creator, Byron Lee & the Dragonaires, Laurel Aitken, Derrick Morgan, Justin Hinds & the Dominoes entre outros.

No fim da década de 70 – e começo dos 80’s – através da imigração jamaicana na Inglaterra o Ska, reggae, Dub e rocksteady passaram a ser trilha sonora do subúrbio de Londres. Desta forma Brixton, bairro localizado no sul da cidade, ficou conhecido como “Little Jamaica“.

A interação com a cultura Jamaicana e de clubes como o Roxy, que tinha a discotecagem do lendário Don Letts, fez com que fosse possível essa segunda leva inglesa e que grupos como The Clash ganhassem certo destaque no mainstream. Estilos como o punk e a new wave inglesa adicionaram elementos a esta conhecida como Second Wave do Ska.


MADNESS7
O Madness é uma das bandas mais importantes da segunda onda do Ska.

As gravadoras não perderam tempo e viram que o cenário tinha potencial. Não demorou muito para surgir o lendário selo 2-Tone Recors (subsidiária da major Chrysalis Records), este que foi fundado por Jerry Dammers do The Specials. Assim bandas como The Beat, Madness, Bad Manners, The Bodysnatchers, The Apollinaires e The Selecter puderam ter maior projeção. O produtor e músico Elvis Costello inclusive em seu primeiro disco com os Attractions bebe muito da fonte do ska.

Como felizmente a música é cíclica – e tudo se re-aproveita – no fim da década de 80 e começo dos 90 ocorreu outro revival. Este que já sofreu adaptações e fusões de gêneros  como o Punk, Hardcore e Funk. Bandas como The Mighty Mighty Bosstones, Reel Big Fish, No Doubt, Sublime, Save Ferris e Goldfinger inclusive chegaram a ter seus 15 minutos de fama e flertaram com o Mainstream.

Claro que no underground mesmo que a cena ferveu e continuou por anos colecionando bandas fortes dentro do segmento como o Operation Ivy, Less Than Jake, The Toasters, Voodoo Glow Skulls, Authority Zero, Mad Caddies, Streetlight Manifesto, MU330, The Slackers, Hepcat, Skarface, Skakin’ Pickle, Five Iron Frenzy, Big D And The Kids Table, The Aquabats, Rx Bandits, Catch 22, Capdown, Mustard Plug, Buck-O-Nine, Murphys Law, All Against Authority entre outras.

No Brasil

O Ska chegou aqui durante o período da Jovem Guarda, isso mesmo, a Wanderléa já se aventurava (em “My Little Lollipop“). Na década de 80, Os Paralamas do Sucesso flertaram com o ritmo jamaicano, inclusive em um de seus discos mais clássicos como Selvagem? (1986) – este que até contou com parceria com Gilberto Gil. Ainda nos 80, tivemos outras bandas que se aventuraram em mesclar seu rock com o ska como por exemplo: Ultraje a Rigor, Titãs e Kid Abelha.

A Mundo Livre SA já nos 90 misturava seu maracatu com uma porção de estilos dentre eles o Ska. Com a MTV e com a onda do Ska Punk, que já bombava no exterior, tivemos uma leva de bandas que chegaram ao mainstream – que gostando ou não flertavam com o Ska – como Skank, Los Hermanos, Capital Inicial, Charlie Brown Jr, Forfun e Móveis Coloniais de Acaju. Até o CPM 22 se aventurou com o Ska nos últimos tempos (em “Vida ou Morte“).

Mas como sempre foi no underground onde a coisa ferveu mesmo e onde coletâneas magníficas como Skacetada Vol. 1 (2003), Ska-Punk pra Cacete (2001) e Ska Brasil (1997) apresentaram ótimas bandas para todo o país. Grupos como: Sapo Banjo, Pinrudes, Skamoondongos, Os Thompsons, Sly, Homesick, Maleducados, Follow The Egg, Morlocks, Esquisitosomos, Boi Mamão, Mr. Rude, Skuba, Manuels, Randal Grave e Diabolik.

Outras bandas seminais que os leitores do Hits Perdidos pediram para incluir: Zé², Skafajets e Subtones.

No fim dos anos 90 Bruno Lancellotti (dono da Radiola Records) comandou na Brasil 2000 o primeiro programa de rádio exclusivamente dedicado ao estilo no Brasil, o Skabadabadoo. Este que durou de 1997 a 2002 mas que pode ser ouvido aqui. Posteriormente programas de Ska como o saudoso Skataplá (também da finada Brasil 2000) também nos mantinham antenados com as novidades.

Atualmente o Ska tem espaço na Mutante Radio em 3 programas: Deskarrego, apresentado pelo Vitor Gassula (Quartas às 20 horas), Álamo Descontrolado apresentado pelo Álamo Leonardo (Quartas às 21 horas) e Harlem Kingston apresentado pelo Helder Marçal e que flerta com o Ska Jazz (e suas orquestras) (Quartas às 23:59). Já na 89 FM o Ska tem espaço no programa Heavy Pero No Mucho do Thiago DJ (que vai ao ar sempre às 00:00).



PLAYLIST NO SPOTIFY

Playlist SkaSkapunk

Para celebrar o cenário de Ska / Ska Punk brasileiro selecionamos 37 bandas que continuam a espalhar os acordes dançantes da Jamaica. Para isso preparamos uma Seleção Especial no Spotify do Hits Perdidos (siga o Hits no Spotify!).

A playlist conta com sons das bandas: AbraskadabraSapobanjoNokaosThe BombersSkubaSão Paulo Ska JazzCoquetel AcapulcoOrquestra Brasileira de Música JamaicanaBois de GeriãoOs ThompsonsBa-BoomSkafandros OrkestraMusica AgostoLa Digna RabiaDesorquestraLegalêMóveis Coloniais de AcajuKongoMarzelaDon Robalo, RumboraO Leopardo, Radio Ska, Zé OitoSkamaradas TrioEl CabongTupi Saxão, Los Djangos, O Mundo AnalógicoReverendo ZumbiPequena MorteJulio IgrejasFamília GangstersSenhor Kalota, Ocean Breeze Tropical Club, Dr. Skrotone e a Máfia do Ska, Caos Lúdico, Guantas, Kuase NadaBuena Onda Reggae Club e Marginal Attack.

Faltou alguma? Indica para a gente que adicionamos!


Advertisements

18 thoughts on “Em Dois Tons: Playlist reúne 42 bandas do Ska / Ska Punk Nacional

  1. Porra, tô monopolizando os comentarios, mas tem que botar Sopa de Jornal do Los Djangos. Música sensacional de um dos melhores discos de ska já feitos aqui.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s