Há 2 meses anunciamos aqui sobre a oportunidade para artistas se inscreverem para a próxima edição da Feira Internacional da Música do Sul (FIMS) e foram muitas inscrições. Um recorde!

Mais de 230 projetos musicais de todo Brasil e América Latina se inscreveram no processo, assim superando a lista de inscritos de 2016. Agora chegou a hora de anunciar para o público quais os artistas e bandas que integrarão os showcases da 2ª edição da FIMS e terão a chance de mostrar seu trabalho para grandes profissionais do mercado cultural.

Sobre o processo o idealizador e diretor da FIMS comenta:

“A decisão de quantidade de showcases foi proporcional ao número de inscritos por área. Com isso, Curitiba ficou com quatro apresentações distribuídas na programação e todos os dias uma banda da cidade receberá um tema como “hostess”, revela o idealizador da FIMS, o músico, compositor e produtor, Téo Ruiz.

Na sequência outros estados do sul do país tiveram maior espaço entre os selecionados. Do Rio Grande do Sul e Santa Catarina permanecem com três showcases para cada, o interior do Paraná com dois e o restante do país com mais três. A América Latina, estreante na FIMS abarca um showcase.

“Este ano a abertura para bandas nacionais e para os países vizinhos foi pensando na proximidade cultural que estes estados brasileiros tem com países como Argentina, Uruguai e Chile. A seleção foi feita por um Conselho Consultivo da FIMS formado por profissionais do mercado e colaboradores externos”, explica Téo Ruiz.

Como foi feita a seleção?

Segundo os organizadores foram analisadas: Qualidade artística, originalidade, trajetória, comprometimento com a carreira entre outras prerrogativas, nortearam a escolha dos selecionados na FIMS 2018.

Um outro critério estabelecido foi a de representar a diversidade das distintas realidades sonoras da cena musical de todo o Brasil e América Latina. Tendo contemplado novos nomes a até mesmo bandas renomadas como Os Replicantes.

Quem avaliou?

Participaram da comissão organizadora: o criador e diretor do Festival Rec-Beat, Antonio Gutierrez, a curadora do MIS Museu da Imagem e do Som de São Paulo, a argentina, Natalia Mallo, e o diretor artístico do Festival Sunfest de Ontário no Canadá, o guatemalteco, Alfredo Caxaj.

Novidade

Neste ano além dos showcases a grande novidade é um circuito off, que contempla exclusivamente bandas que se inscreveram no edital e foram bem cotadas. Algumas dessas irão se apresentam em espaços culturais vinculados a Feira.

Playlist

Para anunciar os escolhidos preparamos uma playlist para aquecer para o festival.

–> Siga o Hits Perdidos no Spotify para playlists exclusivas <–




Selecionados

Como nem todos os artistas possuem suas faixas no Spotify nada mais justo do que citar nominalmente cada um dos selecionados. A lista conta com os selecionados e suplentes devidamente divididos por região.

Curitiba

A capital paranaense, como não poderia deixar de ser, chegará em peso com quatro representantes Tuyo, Bernardo Bravo, Iria Braga e Central Sistema de Som

Como suplentes em caso de alguma desistência foram selecionados: Cora, Trombone de Frutas e Luana Godin.


Tuyo, grupo que tem se destacado nos últimos tempos, também é um dos selecionados. – Foto: Divulgação

Paraná

O interior do estado chega com dois representantes Duo Clavis (Londrina) e André Siqueira (Londrina).

Como suplentes em caso de alguma desistência foram selecionados: Kingargoolas (Guarapuava) e Diego Salvetti (Maringá).


André Siqueira representará Londrina na Feira. – Foto: Divulgação

Rio Grande do Sul

Os gaúchos também estarão muito bem representantes com Os Replicantes (Porto Alegre), Cuscobayo (Caxias do Sul) e ANAADI (Porto Alegre).

Como suplentes em caso de alguma desistência foram selecionados: Marmota (Porto Alegre) e Trabalhos Espaciais Manuais (Porto Alegre)


Os Replicantes que acabaram de lançar novo CD representarão o Rio Grande do Sul. – Foto Por: Fernanda Chemale

Santa Catarina

Já os catarinenses  serão representantes por Brass Groove Brasil (Florianópolis), John Mueller (Blumenau) e Mara Sarva Truta (Florianópolis).

Como suplentes em caso de alguma desistência foram selecionados: Mareike Valentin (Blumenau) e Luciano Bilu (Florianópolis).


Brass Groove Brasil. – Foto Por: Stivy Malty

Outras regiões do país

Além dos estados do sul do país, artistas de outras regiões foram selecionados para esta edição. A lista conta com Livia Nestrovski & Fred Ferreira (Rio de Janeiro), Rhaissa Bittar (São Paulo) e Aiace (Salvador).

Como suplentes em caso de alguma desistência foram selecionados: 2de1 (São Paulo), Duo finlandia (São Paulo) e Tagore (Recife).


Livia Nestrovski & Fred Ferreira. – Foto: Divulgação

Soy Loco por Ti América!

É claro que a América Latina não ia ficar de fora e para esta segunda edição foi selecionada a cantora argentina Soema Montenegro.

Como suplentes foram escolhidos: Jayu (Chile), Resostenido (Chile) e Tomas Real (Chile).


Soema Montenegro. – Foto: Divulgação


SERVIÇO
Feira Internacional da Música do Sul – FIMS
Quando: 20 a 23 de junho
Onde: Portão Cultural
Endereço: Av. Rep. Argentina, 3.432 – Portão – Curitiba (PR)
Ingressos

This post was published on 17 de maio de 2018 4:12 pm

Rafael Chioccarello

Editor-Chefe e Fundador do Hits Perdidos.

View Comments

Posts Recentes

Rosa Chá aposta no groove e no poder das conexões em “Nada Mudou”

Após no ano passado lançar seu EP de estreia, a Rosa Chá prepara uma série…

21 de janeiro de 2022

Pitty lança o documentário “Casulo Musical” com participações de Drik Barbosa, Jup do Bairro, Badsista, Pupillo e Monkey Jhayam & Rockers Control

Depois de lançar seu novo EP, Casulo, através do seu novo selo independente homônimo, Pitty apresenta…

19 de janeiro de 2022

Terno Rei abraço o pop na nostálgica “Dias da Juventude”

Após o bem sucedido Violeta, as expectativas pelos próximos trabalhos do Terno Rei se elevaram.…

18 de janeiro de 2022

Coletânea “Futuro do Passado” celebra os 40 anos de carreira de Lulu Santos com releituras indies

O ícone do pop nacional, Lulu Santos, é mais um dos artistas nacionais a ganhar…

14 de janeiro de 2022

Os 250 álbuns mais aguardados de 2022

Se 2021 foi marcado pelo lançamento de diversos singles e muitos discos durante o segundo…

13 de janeiro de 2022

Nietts traz à tona o momento político e sanitário do país em “Doloribus”

Quem no finzinho de 2021 voltou a apresentar um novo material foi o duo Nietts que…

12 de janeiro de 2022

This website uses cookies.