Designer espanhol lança livro para tentar explicar sua paixão por música

Listas são sempre polêmicas. Algumas são repletas de curiosidades e ensinamentos, outras em tempos de Buzzfeed, engraçadas. Mas sempre conseguem uma coisa: gerar conversas.



Algumas listas até viram livros e inspiram blogs. Como no caso do livro “1001 discos para ouvir antes de morrer” (Dimery, Robet –  2005) que inspirou o blog Ouvindo Antes de Morrer da Debbie Hell, este que tem como missão: ouvir cada uma das músicas do livro e “cagar uma regra louca sobre música em posts aleatórios que não dizem nada a respeito do desafio”.



Eis que um ilustrador espanhol, Ricardo Cavolo, resolveu pegar a ideia da série de livros e virar tudo de cabeça para baixo. Ele decidiu juntar suas duas paixões: música e arte. Só que com um conceito inédito até então nesse mar de listas: fazer uma lista de artistas que tiveram algum impacto em algum momento de sua vida.

Para a brincadeira e a arte ganharem corpo e forma, Ricardo escreve e ilustra usando anedotas e pensamentos do porque ele admira os artistas escolhidos. Tudo isso claro com seu traço característico que é bastante marcante e singular em seus trabalhos, feito uma assinatura.

Menos pretencioso que o jornalista Robert Dimery, Ricardo por sua vez diz que não quer que sua lista seja referência de nada e apenas busca mostrar através dela o porque de seu amor por música.



Nascido em Salamanca, ele foi criado numa casa em que ouvia bastante rock. Através da vitrola do pai era sempre era possível ouvir artistas como Rolling Stones, Sex Pistols, Muddy Waters e Chuck Berry. Assim, desde cedo a paixão e o interesse por música foi crescendo.

Ele acredita que existem bandas que te acompanham nos mais diversos momentos da vida, seja na tristeza, nos amores, no dia a dia, na caminhada pelo parque, na ida a cafeteria, no ônibus na volta para o trabalho, etc. Mas que alguns artistas entre os milhares que ouvimos ao longo da vida, perduram por anos em nossa trilha sonora diária. E para ele isto significa alguma coisa.


O livro e seu criador, o designer gráfico, Ricardo Cavolo

O livro, “101 artistas sin los que no podría vivir”, a princípio era para conter 250 artistas mas ele foi obrigado a reduzir para apenas 101. Não seja por isso, cada artista ganhou uma página dupla então trabalho para ele não faltou. O caso de Amy, logo abaixo, mostra a riqueza de detalhes e significância com que retrata os artistas e explica WHY MUSIC MATTERS.





Ricardo afirma que o livro é como um diário pessoal que ele decidiu abrir para o mundo. Logo ele mesmo que tratou de traduzir a versão original (em castelhano) para o inglês, com medo de que algo se perdesse pelo caminho. Questionado de qual seria a trilha sonora ideal para seu dia de trabalho, o artista afirmou sem pestanejar: Rap e Country.





E para quem acha que o amor de Ricardo para nesse livro, o artista, já escreveu uma história em quadrinhos sobre o artista Daniel Johnston chamado “El Desorganismo de Daniel Johnston”.




Sente a emoção de quando eles se encontraram pessoalmente. E é por momentos como esse que MÚSICA IMPORTA.



Você pode adquirir os dois livros através do site da Amazon. A versão em língua inglesa do “101 artistas sin los que no podría vivir” em capa dura está na bagatela de 20 dólares (+- R$80). Já o “Desorganismo de Daniel Johsnton” (2013) está disponível por 21 dólares (+- R$84). Definitivamente, uma boa dica de presente para qualquer apaixonado por música.






This post was published on 28 de setembro de 2015 10:30 am

Rafael Chioccarello

Editor-Chefe e Fundador do Hits Perdidos.

Posts Recentes

Queremos! Festival 2022 reúne rap, pop, MPB e muito mais dia 28/05, no Rio de Janeiro

Queremos! Festival 2022 acontece neste fim de semana na Marina da Glória Para os fãs…

25 de maio de 2022

Tom Misch vem a capital gaúcha pela 1ª vez e encanta o público porto-alegrense

Uma das noites mais frias da semana mas nada que afastasse o porto-alegrense de prestigiar…

25 de maio de 2022

“Moonage Daydream”, assista ao trailer do novo filme sobre David Bowie

Moonage Daydream é o primeiro filme a ser apoiado pelo espólio de David Bowie David…

24 de maio de 2022

The Kooks comemora os 15 anos de “Inside In, Inside Out” embalado pela nostalgia e hits radiofônicos

Após 4 anos o The Kooks retornou a São Paulo para celebrar os 15 anos…

23 de maio de 2022

Festa Gimme Danger volta com show do Thee Dirty Rats

A volta da Festa Gimme Danger acontece neste domingo, 29/05 no Fffront O período de…

23 de maio de 2022

Virada Cultural 2022 apresenta programação descentralizada nos dias 28 e 29/05; confira a programação completa

A abertura da Virada Cultural 2022 acontece às 17h do sábado (28), com apresentação do…

20 de maio de 2022

This website uses cookies.