Sky Down: “chute no baço” e “Poeira pro alto”

Fui convidado pelo pessoal da Troublemaker para um show dos caras no Dinamite Studios. Num clima de festa, regado a muita cerveja e embalado  pelo drink especial da casa (“Lady Shaker”), fui assistir esta que seria a primeira apresentação da noite:  o show do Sky Down.

Já tinha conhecimento do som dos caras, tanto que eles entraram na compilação do meu outro blog, Anchor Mixtapes, “Rock Falido: Uma coletânea de rock independente nacional”. Lançada a pouco mais de 10 dias.

Até então as músicas que tinha escutado tinham me deixado pilhado e com altas expectativas para ver os caras ao vivo. Afinal, tem muita banda que faz um “disquinho” legal e ao vivo não representa metade do que imprime no estúdio.

E não foi o caso do pessoal do Sky Down.  Assistindo o show ficou impossível não sentir um clima de nostalgia. Parecia que em uma banda conseguiu juntar todas as fases do punkrock que eu cresci ouvindo: de bandas SST, passando por Dischord,  Sub Pop, e chegando aos anos 90 com aquele som que consolidou gravadoras como a Fat Wreck Chords do finado Fat Mike.

A cada música o som dos caras me remetia a 3 ou 4 bandas desse repertório já citado acima. E o mais legal é que o show é “chute no baço do começo ao fim”. Energético e na “pegada cozinha hardcore” não faltou muito barulho e caos no “puleiro” da zona sul.

Em pouco menos de 2 músicas já se ouviam as sirenes da polícia fazendo sua rotineira patrulha. Calma, o show não foi parado, mas a sensação que me passou após ver o carro de polícia me remeteu a canção ” Hardcore 84′‘.

Saí de lá com uma cópia do novo trabalho dos caras “…Nowhere”, lançado a pouco mais de duas semanas. O disco foi gravado e mixado no estúdio costella por Chuck Hipolitho. A gravação foi toda foi gravada “ao vivo” em apenas um dia, sim, no melhor estilo RAW, como as coisas devem ser.


Foto da capa por: Lincoln Clarkes
Foto da capa por: Lincoln Clarkes

photo1 photo2


No último dia 28, os caras lançaram o clipe da música “Liar”, esta presente no novo disco. A direção, fotografia e edição ficou por conta do Daniel Cardoso.

Agora é aquele recado de sempre: compareçam nos shows, comprem merch e espalhem a mensagem.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s