Inspiradas pelo “Dia dos Namorados” bandas brasileiras lançam tributo romântico

fuzz-feelings-cover

No começo desta quinta-feira (ontem), Eduardo Santana (Penhasco) me apresentou a coletânea que tinha saído a poucas horas: ”Fuzz Feelings”. 17 bandas do cenário brasileiro foram convidadas pelo selo Howlin Records e aceitaram o desafio: regravar clássicas canções de amor. Pontualmente a coletânea foi lançada no “Dia Dos Namorados”(12/06). E as supresas são muitas:

  1. As bandas brasileiras selecionadas são boas. Algumas até já conhecia como: Twinpines, Blear,  Loomer, Penhasco, Poltergat.  Fora o respeitado e figurinha carimbada da cena: Rodrigo Koala (Hateen).
  2. É possível encontrar versões de bandas que eu amo: Hüsker Dü, My Bloody Valentine, The Cure, Teenage Fanclub, Sunny Day Real Estate, Yo La Tengo, R.E.M, Buzzcocks, Lemonheads e Everly Brothers… por exemplo.
  3. Conhecer o trabalho de bandas muito legais é sempre o melhor de qualquer coletânea.
  4. Versões bacanas que fogem do clichê.

Confira a resenha que a Amanda Mont’Alvão fez sobre a coletânea:

“Enquanto passamos horas tentando decifrar se a música pop nos faz miseráveis amorosamente, ou se é o amor quem nos faz afogar nessas canções, alguns inquietos abandonaram temporariamente essa dúvida e fizeram dela uma trilha sonora.

Declaradamente mordidas pelo romantismo, 17 bandas brasileiras, a convite do selo paulistano Howlin Records, assinaram uma carta de amor às músicas que embalaram suas paixões.

Assim nasceu a coletânea Fuzz Feelings,  lançada oportunamente nesta quinta-feira (12) Dia dos Namorados.O projeto é assumidamente passional e reúne as inspirações do músico Magoo Felix  (Twinpines e Bi-Latheral) e do Estúdio Subway, de São Paulo.

Eis que o amor pede urgência e não houve tempo para divagações: foram duas semanas para a escolha das bandas, a definição das músicas, a gravação e a mixagem. Versos apaixonados originalmente cantados por Hüsker Dü, Teenage Fanclub, The Cure, My Bloody Valentine, Marvin Gaye e até mesmo Inner Circle são reinterpretados por veteranos como Elroy, Rodrigo Koala, Mudhill, Twinpines e Loomer; e por novatos como Vapor, Blear, Monstromonstro e Heavy Red.

O saldo final revela um percurso variado e semelhante ao do relacionamento amoroso: há identificação com a música amada, mas também, rejeição de suas características. Há quem aposte na cumplicidade, e quem prefira andar em paralelo. E, como de praxe, há quem escolha cantar a dor daquilo que não é recíproco.”

O disco está disponível para download gratuito e é recomendado para quem dispensa explicações diante desse que é um dos mais incondicionais dos amores: o relacionamento com a música.” Você pode conferir e saber mais sobre a coletânea aqui e ouvir (e fazer o download das faixas) aqui.

Ficha técnica sobre o projeto:

Fuzz Feelings São Paulo, junho 2014 Howlin Records

Produção: Estúdio Subway, Howlin Records e Magoo Felix

Gravação: Estúdio Subway

Direção de arte: Magoo Felix

Produção musical: Anderson Lima

Arte: Rodrigo Chicon 3D e Magoo Felix

Mixagem: Bruno Pinho, Hugo Falcão e Anderson Lima

Masterização: Hugo Falcão Costa 

Elroy gravado e mixado no Estúdio Kalundú

Rodrigo Koala gravado e mixado em seu Home Studio

Loomer gravado e mixado no Estúdio Dub

Mudhill gravado nos estúdios Subway, Sunrise Music e Zeek Home Studio

As bandas Blear e Penhasco se apresentam HOJE no Hotel Tees a partir das 19 horas. Está #TendoCopa e eles garantem que #VaiTerRock:

hotel tees

Advertisements

One thought on “Inspiradas pelo “Dia dos Namorados” bandas brasileiras lançam tributo romântico

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s