Parceria entre Quiriku e Thales Castanheira, “Par de Meias”, vai do Homeshake ao neo-soul

 Parceria entre Quiriku e Thales Castanheira, “Par de Meias”, vai do Homeshake ao neo-soul

Quiriku – Foto Por: Leonardo Yugo

Vizinhos de infância e amigos de longa data, Pedro Ferreira, que iniciou sua carreira artística ainda em 2020 sob o codinome de Quiriku, e Thales Castanheira, que já fez parte tocando guitarra da Goldenloki e da Gumes, Meu Nome Não é Portugas e Irmão Victor, lançam nesta sexta-feira (05/08) uma parceria inédita via Seloki Records.

O músico tem na bagagem o EP Máscara Cinzenta (2020) e o álbum Desmascarado lançado no ano passado em parceria com o produtor Lesma. Parcerias não são exatamente uma novidade para o músico que já teve feats com artistas como Leo Fazio (Molodoys), DUPLA 02, Isabela Neves e DJ Akinn.

Foi na pandemia que a parceria se solidificou quando na Serra da Mantiqueira Thales compôs o instrumental de “Par de Meias”. Segundo o músico o beat tem inspiração direta em artistas contemporâneos como Mild High Club e Homeshake, explorando as texturas, progressões e batidas para dar cores para as melodias.


QUIRIKU - foto por Leonardo Yugo
QuirikuFoto Por: Leonardo Yugo

Quiriku e Thales Castanheira “Par de Meias”

Após a produção de Thales, ele descompromissadamente envia o esboço para Quiriku procurando um feedback do amigo que recebe de volta outra track com o mesmo beat mas já com letra. Desta forma ressignificando aquela batida em prol de trazer emoção para aquele groove viajante.

Desta forma o som progressivo e groove ganha referências do rap de artista como Little Simz, Noname e de conterrâneos dos músicos, Yago O Próprio e Murica Sujão, assim eles chegam numa faixa ao mesmo tempo que orgânica, compartilhada.

Com beat revigorante e progressivo desde o começo, com direito a texturas lo-fi e sopro, a faixa ganha versos que dialogam sobre temas contemporâneos como ansiedade, espírito de coletividade, sonhos  compartilhados e a ânsia pela expansão das ideias. A vivacidade e rimas rápidas transformam a canção com o espírito de trazer quem ouve para mais perto com uma mensagem positiva.

O lançamento é apenas o primeiro do ano, já que o músico paulista está no momento produzindo seu segundo álbum de estúdio programado para o segundo semestre em busca de aperfeiçoar ainda mais sua técnica. Segundo eles, é apenas o pontapé inicial de parcerias.


Rafael Chioccarello

Editor-Chefe e Fundador do Hits Perdidos.

Related post

error: O conteúdo está protegido!!