Lista com Lançamentos Nacionais

2021 tem sido um ano onde os lançamentos nacionais tem saído aos poucos e em algumas semanas muita coisa boa tem saído ao mesmo tempo. Por esta razão esta coluna fará uma espécie de “recapitulação” para você não perder nada do que está rolando.


Lançamentos Nacionais Marisa Monte


Marisa Monte “Calma”

A cantora Marisa Monte apresentou o single “Calma”, parceria com Chico Brown, que estará em seu novo álbum de estúdio, PORTAS, que será lançado no dia 01/07 pelo selo Phonomotor com distribuição pela Sony Music.

Com arranjo trombone de Antonio Neves, a faixa conta com Marisa Monte (Violão de Nylon), Dadi (Violão de Aço), Kassa Overall (Bateria),  Nicolas Hakim (Guitarra), Paul Wilson (Piano Acústico e Elétrico), Melvin Gibbs (Baixo), Michael Leonhart (Trompete), Oswaldo Lessa (Sax), Eduardo Santana (Trompete) e Eduardo Neves (Flauta).

A nova composição reflete sobre os anseios e as expectativas pelo futuro após a tormenta. Sintetizando o sentimento coletivo de juntos superarmos este momento que temos vivido. “Calma” serve como um respiro, entre a ressaca e a vontade iminente de poder voltar a sonhar.

A produção do disco é de Marisa Monte e a co-produção por Arto Lindsay, o material foi gravado entre outubro de 2020 e abril de 2021 por Daniel Carvalho (RJ) e Patrick Dillet (NY), mixado entre março e abril de 2021 por Patrick e masterizado no Sterling Sound Studio (NY) em maio de 2021 por Greg Calbi e Steve Fallone. No fim do vídeo Marisa revela os bastidores da gravação realizada a distância.



Saulo Duarte “Se Você Tem Amor”

O cantor, compositor e guitarrista Saulo Duarte lançou “Se Você Tem Amor”, segundo single do EP Lumina, que será lançado pela YB Music, no dia 09/07.

“A canção fala do mistério que é gostar de alguém e ir ao encontro do que se sente. É uma parceria com Daniel Medina, de Fortaleza, meu parceiro de longa data.

Tem timbres que gosto muito como o violão de nylon, um arranjo lindo de flautas assinado e tocado pelo Cuca Ferreira, do Bixiga 70, e um instrumento africano tocado pelo Eduardo Escariz chamado Guimbre, que é uma espécie de alaúde africano, além do piano elétrico tocado pelo Pepe Cisneros, que é um pianista cubano que admiro muito. Tudo isso trouxe um charme e o contexto ideal para essa música.”, conta Saulo Duarte.

A faixa ganhou um lyric clipe em animação delicado que deixa a experiência do encontro com a paixão ainda mais imersiva.



Felipe de Vas feat. LoreB “Deixe-Me Ir”

“Deixe-me Ir” é a nova canção do músico e compositor Felipe de Vas em parceria com LoreB. A faixa integrará o álbum Bagagem de Mão, seu segundo álbum que sairá no dia 23/07.

“A música fala sobre a sensação de que o nosso tempo está sendo usurpado de nós e quando surge a urgência de viver de fato algum propósito, explica o artista.

A canção foi escolhida pra ser o primeiro single justamente por isso e por sintetizar bem uma das ideias centrais do disco novo: a leveza revolucionária de se auto permitir”, conta o músico que compôs a faixa em parceria ao lado de Pedro Soares.

Delicado, o dueto, casa os vocais dos artistas com ternura para falar sobre as urgências, e as ansiedades, que muitas vezes aparecem no horizonte como obstáculos para conquistar o que almejamos.



Daparte, Zé Ibarra “Pescador”

A banda mineira lançou o single e clipe para “Pescador”, que integrará o próximo disco. A faixa “Lado A” do bundle traz a participação do cantor carioca Zé Ibarra.

“Zé foi a pessoa certa para incrementar outro sentimento de timbres e interpretação”, conclui Juliano, vocalista e guitarrista.

“Pescador nasceu em uma viagem minha para a praia que em determinado momento comecei a me sentir distante das pessoas… época eu tinha acabado de terminar um namoro.

Comecei a compor ela com o intuito de desabafar essa vontade de ‘botar o barco pra frente e voltar a remar’. Imaginei a música como busca ou um pedido de socorro. Criei na narrativa essa figura de um ‘Pescador’, mas que se traduziu com clareza em minha cabeça, durante o processo de composição, na imagem do meu pai”, comenta João Ferreira, também vocalista e guitarrista do grupo.

Já o clipe foi dirigido por Lucas Siqueira e é o primeiro em animação do grupo.

“Desde o início a Daparte queria fazer um clipe animado. Quando escutei pescador pela primeira vez vi que poderia aplicar uma ideia que já tinha em mente há algum tempo. Fazer um clipe totalmente em 3D com várias texturas diferentes. Fiz alguns segundos pra tentar ilustrar para banda e todos adoraram a ideia. A partir disso, fomos construindo o roteiro juntos”, conta Lucas Siqueira.

“Já conhecíamos o trabalho do Lucas Siqueira que é um amigo e um artista talentoso. E acabou casando com querermos uma proposta de clipe diferente, que não necessariamente aparecesse a gente atuando. Queríamos algo artístico que trouxesse mais profundidade para a canção”, finaliza João Ferreira.

Bundle está sendo lançado nesta terça-feira (15/06).



Diablo Angel “Incansável”

A banda pernambucana Diablo Angel lançou o videoclipe para “Incansável” que tem como tema o período sangrento da ditadura militar brasileira, trazendo imagens de arquivo, dança e metáforas.

O videoclipe dirigido por Felipe Soares foi produzido com incentivo da Lei Aldir Blanc em Pernambuco,  através da Fundarpe, Secretaria Estadual de Cultura, Governo de Pernambuco e Governo Federal.



Hierofante Púrpura “Aqui Temos Medo”

A Hierofante Púrpura, de Mogi das Cruzes (SP), lançou via Balaclava Records o single e clipe para “Aqui Temos Medo”, faixa que integra o disco Impermanências Lo-Fi Vol.2. O videoclipe dessa vez foi feito em collab entre Danilo e Gabriel Rolim.

“..Aqui Temos Medo surge de um convite da cantora francesa Laure Briard para juntos compormos uma canção em português para seu álbum -Coração Louco- Recebi uma demo, alguns versos escritos previamente por ela e o título da faixa.

Com esse material em mãos, acabei compondo mais uns dois ou três versos que se tornaram por fim uma nova música pro Hierofante Púrpura, pois a mesma não foi aproveitada no álbum de Laure. Na época (circa dezembro de 2018) o Brasil acabara de entrar num processo de obscurantismo político com a ascensão de milicianos ao poder e a injusta prisão do ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva; cenários e sentimentos que inspiraram os versos da composição…”, revela Danilo

O álbum é uma coletânea de bootlegs embrionários e/ou 4 track demos, gravados no estúdio Mestre Felino. Fechando assim a nossa lista de lançamentos nacionais.



Em breve tem mais Lançamentos Nacionais por aqui

Gostou da coluna com lançamentos nacionais? Em breve ela volta com o melhor que tem saído na música brasileira!