Em 2018 o duo carioca Tatubeleza lançava o EP Totipotência.

O registo contava apenas com duas músicas e influências de Gilberto Gil à James Brown, do cancioneiro brasileiro aos Beatles. Não é a toa que o vídeo para a canção faz homenagem a Jorge Ben e em sua estética eles carregam uma forte influência das discotecas dos anos 70.

Mas eu diria também que eles carregam um pouco do espírito da gafieira. Até mesmo eles relatam que dentro do campo de suas inspirações eles bebem diretamente das fontes: da MPB, do jazz, do funk, do rock, do samba e dos ritmos brasileiros.

Após isso o duo no apagar das luzes de 2019 lançou um novo EP, Quem Vai Querer?. Este que contou com duas faixas inéditas, “Olha O Baião” (Confira o Clipe) e “Lado Oriente”.

Cada uma conta com um clipe e após isso eles apresentarão a faixa, “Mãos, Pés” que marcará a chegada de um novo momento estético e musical do Tatubeleza.

Tatubeleza “Lado Oriente”


Tatubeleza

Frame do Videoclipe para “Lado Oriente”


Sendo assim hoje fazemos a Premiere do videoclipe para “Lado Oriente”. A canção é de autoria do Matheus Cecatto que conta que a música surgiu quase por acidente.

“Começou como uma brincadeira bem metafórica. Com um eu-lírico metamorfizado em uma vaca, a canção percorre a trajetória de insatisfação do poeta com o curso predeterminado e sistemático da vida, que se passa enquanto ele fantasia com o mundo que existe do outro lado da cerca.”, relembra Matheus

As Gravações

“Para acompanhar essa parábola o clipe ganhou uma roupagem que trafega entre momentos mais sóbrios e outros mais cômicos, tudo sendo filmado em dois dias de estadia em um sítio em Muriaé (MG). As mudanças de figurino retratam bem a transição fantasiosa entre a vida dentro e fora do cercado, onde a realidade reside no limite da imaginação do eu-lírico. A ambientação fora do meio urbano trouxe um ar mais leve e inédito ao trabalho do grupo.”, revela Cecatto

Eles ainda revelam que o que conecta as duas faixas do EP é a temática de ambos dialogarem sobre a importância das liberdades individuais. Tema tão importante em tempos tão sombrios para a nossa democracia na atual conjuntura do planeta.

Matheus ainda revela sobre sua cena favorita da peça audiovisual. “Cada momento do foi pensado com cuidado e minha parte favorita é quando de súbito as mulheres aparecem como bruxas, sucedem um ritual e escancaram a porteira que permite a piração invadir o videoclipe.”



O videoclipe vai para o sítio e tem passagens que revelam um pouco mais sobre a tentativa de refúgio no campo. Mostrando seus prazeres e a vontade de explorar a liberdade; ao mesmo tempo que traduz através das lentes, o lado exotérico, exótico e magnético dos rituais. O destaque fica para as escolhas do figurino e locação.

E você, o que achou do resultado?

Ficha Técnica

Concepção: Ana Luisa Gomes, Joana Uchôa, Matheus Cecatto, Rohl Martinez, Vítor Vieira e Yas Lucchesi. Roteiro: Yas Lucchesi Direção: Vítor Vieira e Yas Lucchesi Produção: Ana Luisa Gomes, Alice Botelha e Yas Lucchesi.

Direção de Fotografia: Vítor Vieira Drone: Pedro Correa Still: Victor Hugo Cecatto
Cenografia: Ana Luisa Gomes Figurino: Joana Uchôa Maquiagem: Yas Lucchesi Montagem e correção de cor: Vítor Vieira e Matheus Cecatto

Elenco: Alice Botelha, Ana Luisa Gomes, Dan dara, Joana Uchôa, Lais Mesquita e Roberto Gomes

O Momento do Tatubeleza

No final de 2019, lançamos nosso EP Quem Vai Querer?, trazendo mais duas músicas inéditas. Esse trabalho traz muito a reflexão sobre a vida nas cidades, sobre vivências e sobre conviver junto.

No entanto, essas duas canções, apesar de estarem sendo laçadas agora, são de um processo mais inicial do Tatu, estando em uma linguagem mais de acordo com a linguagem de “Totipotência”. Após o lançamento dos clipes – o primeiro, “Olha O Baião”, e o segundo, “Lado Oriente”, eles já tem planos.

A ideia é preparar para o lançamento do nosso próximo single chamado Mãos, Pés, que já está gravado, e marcará a chegada desse novo momento estético e musical do Tatubeleza. Além disso, 2020 vem com tudo e temos mais novidades a caminho, esse será um ano de lançamentos e feats!”

Ouça Quem Vai Querer? no Spotify