Depois dos posts da Austrália (parte I e II), PalestinaTurquiaPaíses ComunistasHolanda, Noruega e Coréia do Sul nossa viagem pelo mundo continua. Desta vez em outro país e com um outro foco. Caio Otero, que vive na Colômbia, e integrante da banda A Página do Relâmpago Elétrico, do selo midsummer madness, também organiza o Bogotá Music Festival. Ele fez um garimpo bastante interessante repleto de bandas colombianas que tem se destacado no campo das produções audiovisuais e hoje traremos sua seleção.

Teremos inclusive uma “invasão colombiana” no Udigrudi 436 que vai ao ar no domingo, 22/03, às 20:30h na Play TV (Confira também como enviar seu videoclipe para a TV).

Especial Bandas Colombianas

Sendo assim traremos hoje escolhas do Caio em um mini especial Colômbia. A diversidade de estilos e de soluções audiovisuais servem até mesmo para inspirar a quem esteja procurando por referências para produzir seu videoclipe.

Videoclipes bandas colombianas

Trecho do excelente videoclipe de “Imaginé”de Eleonor Giovanni. – Foto: Reprodução Youtube


1) Estados Alterados “Inventándome”



Direção: Pascui Rivas
Cidade: Medellín

Com seis álbuns de estúdio a Estados Alterados funde em seu som new wave, industrial, rock e música eletrônica. O quarteto que lançou seu debut em 1991 é formado por Ricardo Restrepo (bateria), Fernando Sierra “Elvis” (vocais), Natalia Valencia (teclados) e Felipe Carmona (baixo e guitarra).

2) De Juepuchas “Panas”



Produção, Ilustração & Animação por:
MUTA BOR STUDIO
Cidade: Bogotá

O duo De Juepuchas lançou uma ótima animação em parceria com o Muta Bor Studio. O videoclipe lançado em 2017 tem um roteiro que se sustenta e uma série de ilustrações que se fundem para contar uma história.

3) Conjuro Epiléptico “17”



Direção: ALUSCOLOMBIA y Crack
Cidade: Bogotá

Outra banda que aposta muito em ótimas produções audiovisuais é o grupo Conjuro Epiléptico. Por aqui eles aparecem com “17” mas em fevereiro eles lançaram o de “Marta”. Eles consideram seu som como “Música Irracional”, o que desperta ainda mais a curiosidade.

4) Eleanor Giovanni “Imaginé”



Direção: Eleanor (Evans) & Giovanni (Aguilar)
Cidade: Barranquilla e Camberra (Austrália)

Um dos mais belos e divertidos videoclipes da lista é o que foi feito para Eleanor Giovanni. Feito em animação e em massinha, o vídeo se destaca por contar uma bem humorada história de conquista em um bar. Com direito a vilão e tudo mais. Vale o play!

5) Aterciopelados “Dúo”



Direção: Rafatoon
Cidade: Bogotá

Assinada com a Sony Music a Aterciopelados é uma duo de Bogotá formado por Andrea Echeverri e Héctor Buitrago  na década de 90 mas ainda em plena atividade. Inclusive eles são uma das bandas colombianas premiadas no Grammy Latino, eles conta com dois discos premiados; Gozo Poderoso (2001) e Oye (2007).

Em 2018 eles lançaram o videoclipe para “Dúo”, uma animação explosiva que conta com desenhos um tanto literais da letra da canção mescladas com imagens dos músicos. O resultado é bastante dinâmico e interativo.

6) La Etnnia “Raíces”



Direção: Gustavo Hurtado
Cidade: Bogotá

Com capricho no roteiro e nas locações, o videoclipe para “Raíces” do La Etnnia, de Bogotá, também aparece na seleção do Caio. O grupo de hip hop é bem popular na Colômbia está na ativa desde o começo da década de 90. O vídeo foi lançado no ano passado e tem cultura de rua, do graffiti e da dança representadas em seus takes.

7) Aguas Ardientes “Drinking Guaro”



Direção: Santiago Buitrago
Cidade: Bogotá

Com um roteiro um tanto quanto spaghetti western mexicano a Aguas Ardientes aparece na lista com um vídeo que é entretenimento puro. A banda de Chirrifolk e blues traz um clipe repleto de cenas cômicas e muita luz, câmera e ação. Contando a história de um mariachi que só arranja confusão, o resultado é hilário.

8) Poison Arrow
“If You Don’t Love Me (I’ll Cut Your Face)”



Direção: Lucho Parada
Cidade: Manizales  e Berlin (Alemanha)

Um videoclipe da lista que impressiona pela fotografia e cortes da edição é definitivamente o da Poison Arrow. A DJ e produtora, Natalia Escobar, é colombiana mas vive na capital alemã.

9)  Montaña “Páramo”



Direção: Daniel Felipe Medina
Cidade: Bogotá

A Montaña, de Bogotá, aparece é mais uma das bandas colombianas a aparecer por aqui. O quarteto traz em sua sonoridade referências de estilos como Math Rock, Post Rock e instrumental para o seu caldeirão. O videoclipe brinca com a morbidez e um humor um tanto peculiar, um dos seus integrantes morre de diversas formas ao longo do vídeo.

10) Los Maricas “Ramen en Japón”



Direção: Augusto Castillo
Cidade: Bogotá

Formada em 2012 a Los Maricas, de Bogotá, também aparece na lista de bandas colombianas selecionadas. O som é um tanto quanto clashiano, já o clipe carrega o espírito do faça você mesmo.

11) Beatzarro Fernandez & La Compañia
“Los Miserables”



Direção: Stalin (Beast) Rodríguez
Cidade: Honda

As ruas da cidade de Quito, no Equador, acabam se tornando o cenário do vídeo para “Los Miserables”. Um vídeo em que a edição, luzes, cenografia e tensão acabam ganhando os holofotes.

12) Nanook el Último Esquimal
“¿Alguien Busca un Final Feliz?”



Direção: Susana Botero e Camilo Pachón
Cidade: Bogotá

Com caracterização o videoclipe Nanook el Último Esquimal tem carrega uma estética que se consolidou na MTV dos anos 90. Um quinteto de rock com espírito anárquico. O videoclipe foi lançado no ano de 2016.

13) Aerophon “Tiempo”



Direção: Juan Diego Puentes
Cidade: Bogotá

Uma banda de rap que traz para seu som elementos de ritmos latinos e acid jazz. Assim se definem o Aerophon. O trio está na ativa desde 2007 o clipe de “Tiempo” é apresentado para o espectador do fim para o começo, assim ele só vai entendendo o porque do fim se assistir desde o começo.

14) Tristán Alumbra “Necio”



Direção: Santiago Álvarez Méndez
Cidade: Bogotá

Continuamos com a série de bandas colombianas com o conjunto Tristán Alumbra. O vídeo para “Necio”, lançado em 2017 conta com o artifício do uso de fantoches. O conflito acaba ganhando uma narrativa intensa, tendo o uso a luz e o escuro como artifícios.

15) ALI A.K.A. MIND “Nada Más”



Direção: FTZ STUDIO
Cidade: Bogotá

ALI A.K.A MIND, também conhecido como Ali Rey Montoya é um produtor e MC independente da capital colombiana. Em 2017 foi disponibilizado este vídeo que hoje em dia soma mais de dois milhões de visualizações no Youtube do artista. Com muita sensibilidade o vídeo mostra a viagem pela América Latina realizada por um casal à bordo de uma kombi.

16 ) Babelgam “Materia Oscura”



Direção: Laura Claveles y Kimberlly Santana
Cidade: Bogotá

Bebelgam é um quarteto que define seu som como doompop. O vídeo é apresentado através da perspectiva de uma mulher que se transforma ao longo do seu andamento. Destaque pela sensibilidade e roteiro que prende o espectador do começo ao fim.

Entrevista com Caio Otero
(Bogotá Music Video Festival)

Conversamos com o Caio Otero para saber mais sobre o Bogotá Music Video Festival e o cenário de produção de videoclipes da Colômbia.

Conte mais sobre o Bogotá Music Video Festival. Desde quando existe? Qual o intuito e como vê a evolução da produção de videoclipes na Colômbia?

Caio Otero: “O BMVF existe a 4 anos, criamos esse festival para difundir e premiar os videoclipes e documentários musicais de nível nacional e internacional dentro do território Colombiano, já que até então haviam festivais dedicados ao audiovisual, mas nenhum que abria espaço para esse segmento. E a produção só tem aumentado, cada ano recebemos mais material nacional de qualidade que nos surpreende.”

O que mais chama a atenção da equipe quando analisam um videoclipe? Quais dicas dariam para as bandas que estão em processo de brainstorm e produção dos seus novos vídeos?

Caio Otero: “No meu caso, o que chama mais a atenção é quando se utilizam poucos recursos para fazer de uma boa ideia um produto final que chame a atenção e bata de frente com produções que sejam, ou se pressupõe que sejam mais caras.

Porque, respondendo também a parte de processo para fazer um bom vídeo, a chamada gestão colaborativa é muito importante para ter alianças e ampliar o espectro de criação dentro do material usando o capital humano.

Ou seja, se você precisa de um animador e tem habilidades que interessem em uma troca justa, pode negociar essa a mão de obra em que todos saiam ganhando com produções mais enxutas e sem precisar investir muito dinheiro. Mas caso tenha esses recursos e queira fazer algo impressionante em menos tempo e sem tantos acordos, pode fazer valer o custo de oportunidade e investir no seu trabalho dessa maneira.”

A lista conta com videoclipes de diferentes anos e com propostas completamente diferentes, o que enriquece ainda mais ela. Quais tendências mais tem observado neste nicho de mercado e como vê que são contornadas as dificuldades?

Caio Otero: “É difícil de definir uma tendência, agora todos usam técnicas diferentes para diferentes estilos e quem se destaca nesse formato são os que vão na contramão dos padrões, mesmo que seja usando o revivalismo de estilos para isso, entendendo-os com novas técnicas e ferramentas para alterar essa informação criando algo novo.

Se pode existir uma tendência no Videoclipe nesse momento, é a mesma de sempre, ser diferente. Esse acordo de estereótipos usados a muitos anos dentro dos estilos já vem sendo quebrados a bastante tempo e hoje você vê uma integração maior dentro deles.

E as dificuldades ainda são as mesmas de anos atrás, produzir para competir com as grandes produções ainda é difícil, a tecnologia avança, mas nem todo mundo pode aceder a elas. O que se pode fazer é usar o intangível que o computador não pode fazer por você, tendo ideias e usa-las com os recursos que te alcançam. Hoje muitos videoclipes são feitos com smartphones, mas só isso não basta para criar.”

Para você videoclipe bom é videoclipe que…..

Caio Otero: “Tem ideias integradas com recursos para representar visualmente uma boa música.”

Especial com Bandas Colombianas na Play TV

Teremos inclusive uma “invasão colombiana” no Udigrudi 436 que vai ao ar no domingo, 22/03, às 20:30h na Play TV (Confira também como enviar seu videoclipe para a TV).


Bandas Colombianas Udigrudi Play TV