[Premiere] Escambau levanta a poeira do país do 7×1 diário em novo clipe

Prestes a lançar o quinto disco de sua carreira, a Escambau de Curitiba (PR) dá o pontapé inicial apresentando a faixa “Revoluções Diárias (Segue a tua Alegria)”. Esta que estará presente em Leite de Pedra que já tem até data de lançamento marcada, 07/06.

Aliás, o registro também é motivo de comemoração para o quinteto já que seu lançamento celebrará os 10 anos de sua fundação.

O grupo formado por Giovanni Caruso (voz e guitarra), Maria Paraguaya (voz, percussão e sintetizador), Zo (guitarra) e Yan Lemos (baixo e voz), teve recentemente com a entrada de Yuri Vasselai na bateria.

Inclusive o trabalho conta com uma curiosidade, suas 9 faixas foram extraídas do interior do Hotel Camboa, em Antonina (PR), dentro de ruínas históricas do século XVIII.

O que traz mais magia e espírito rock’n’roll ao lançamento dos paranaenses. O álbum foi produzido pela própria banda, em parceria com Luiz Sadaiti. Já a masterização é assinada por Sanjai Cardoso.


Escambau - Frame Videoclipe
O videoclipe foi dirigido por Luciano Popadiuk que também dirigiu o criativo curta para “Time Compression” do Wi Fi Kills (Escolhido como um dos Melhores Clipes do ano pelo Hits Perdidos e Play TV). – Foto: Reprodução Clipe

O Single

A canção vai de encontro a todo este momento de caos nas esferas tanto políticas, quanto sociais. Um tempo onde apesar de uma série de “pataquadas”, confusão de ideias, mandos e desmandos, instabilidade financeira, política e um número recorde de desemprego, ainda encontramos uma (inexplicável) força de vontade para caminhar mesmo sem saber muito de onde ela vem (ou até mesmo como será o dia de amanhã).

Essa alegria e espírito batalhador, inerente ao povo brasileiro, é celebrado com bom humor e exalta nossa força interna.

“É claro que eu fico indignado com as coisas que eu vejo todo dia, com os meus olhos, no lugar aonde eu moro, no jornal, na internet… Todo dia é um 7×1 que a gente aguenta, mas tô vivo.”, trecho de “Revoluções Diárias”

Eles lembram que dentro da composição, existe o flerte com o tropicalismo, com rock e até mesmo com o rap.

“A composição traz no esqueleto algo da fase tropicalista de Caetano com um riff marcante à la White Stripes. O Escambau, que sempre gostou de acrescentar ritmos distintos aos seus Rocks, desta vez arrisca com o Rap, colocado despretensiosamente dentro de uma música com dois refrões”, reitera Giovanni Caruso

O clima para as gravações foi bem propício segundo a vocalista Maria Paraguaya.

“A música foi gravada intercalando sessões de estúdio com mergulhos em uma piscina climatizada, sauna e drinks coloridos, em um hotel maravilhoso. Acho engraçado, pois é justamente o contrário da correria que vivemos no dia a dia e do que fala a letra.

Considero “Revoluções Diárias” a canção mais alto astral do disco, carregada de mensagens positivas e de superação em meio a tanta convulsão político-social”, lembra Maria Paraguaya

O Clipe

Conversamos com o diretor Luciano Popadiuk para saber mais sobre como foram os processos de brainstorm e execução da produção audiovisual.

“Ao me convidarem para fazer o clipe, a ideia básica era a de capturar closes dos integrantes cantando e, posteriormente, juntar com takes da banda tocando em outro lugar.

É óbvio que trabalhar no esquema ‘faça você mesmo’, deixa o processo mais complicado. Existe um desafio entre ter a ideia e o custo para poder executá-la.

Após filmar a Escambau cantando, pegando os closes, várias alternativas foram lançadas para completar o trabalho. O Giovanni, inclusive, queria colocar a banda na via expressa do ônibus biarticulado aqui em Curitiba.”, lembra Popadiuk

Luciano, que também dirigiu o vídeo para “Exemplo a ser Seguido“, canção-protesto lançada em 2018 captou as imagens ao ar livre no Parque Bacacheri (Curitiba / PR).

“…Mas como eu e o Giovanni somos vizinhos do parque, a decisão foi meio que natural. Inclusive pelo tempo que tínhamos pra gravar e finalizar o vídeo. A sorte que tivemos com aquela manhã ensolarada era o que precisávamos para concluir o processo, já que gravar imagens externas requer uma dose cavalar de sorte”, conta o diretor Luciano.

Já a direção de fotografia foi feita por Eduardo Moura. Confira o videoclipe!


Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s