Desde 2017 o Rafael, editor do Hits Perdidos, contribui ao lado de um time formado por Pena Schmidt, Elson Barbosa, Juliano Polimeno para a #listadaslistas. A lista vai a cada ano que passa ganhando corpo e colaboradores, e a lista de 2018 conta também com a preciosa ajuda de Marcella Galeotti e Mauricio Bussab.

A lista é um projeto idealizado por Pena Schmidt​ que já a alguns anos tenta através das listas de “Melhores do Ano” entender o comportamento e insights dos críticos / blogueiros / jornalistas e formadores de opinião em relação ao presente momento da nossa música brasileira.

No ano passado tivemos a oportunidade de palestrar sobre a lista na HackTown, em Santa Rita do Sapucaí (MG), já em 2019 adiantamos alguns dados em palestras no Cidade do Futuro e na Campus Party (#CPBR12).


Lista Das Listas 2018


O que foi Analisado?

Ao todo conseguimos capturar 183 listas. Estas que são publicadas sempre em um período entre dezembro de 2018 e janeiro de 2019.

No total, foram feitas 2911 indicações para 702 discos indicados como melhores de 2018 no Brasil. Como diz Pena em seu texto existe um pouco de tudo e até mesmo folclore e votos feitos com coração:

“É verdade que destes, 405 tiveram apenas um voto, possivelmente de um namorado ou amigo, são votos de homenagens sinceras.”, comenta Pena Schmidt em seu blog pessoal

Depois destes, temos um bloco com 297 discos que tiveram entre 2 e 12 votos. Até chegar ao topo da lista, aos 51 discos que tiveram entre 13 e 89 indicações, os artistas e seus discos mais recomendados como melhores do ano.

A partir disso que acontece o trabalho entre cruzar os mais diversos dados, no excel, o que nos fazem pensar nos mais diversos aspectos que podem ser analisados na lista. Lista que mostra alguns caminhos mas que muitas vezes trabalha com a excessão e talvez essa seja a graça da #listadaslistas.

Vamos aos Poucos!

Na lista de 2017 chegamos com o TOP 51 já analisado e com diversos drops e análises. Neste ano vamos aos poucos e logo de cara já revelamos o pelotão de elite.

ARTISTADISCOINDICAÇÔESPos.% de LISTASCIDADEUF
Baco Exu do BluesBluesman89149%SalvadorBA
Elza SoaresDeus É Mulher79243%Rio de JaneiroRJ
Carne DoceTônus60333%GoianiaGO
Duda BeatSinto Muito59432%RecifePE
DjongaO Menino Que Queria Ser Deus55530%Belo HorizonteMG
Gilberto GilOk Ok Ok48626%SalvadorBA
Maria BeraldoCavala46725%São PauloSP
Luiza LianAzul Moderno42823%São PauloSP
MahmundiPara Dias Ruins41922%Rio de JaneiroRJ
Anelis AssumpçãoTaurina41922%São PauloSP
Pabllo VittarNão Para Não401022%São LuísMA
IzaDona de Mim391121%Rio de JaneiroRJ
BK´Gigantes381221%Rio de JaneiroRJ
Gal CostaA Pele do Futuro371320%SalvadorBA
SilvaBrasileiro351419%VitóriaES
Marcelo D2Amar É Para Os Fortes351419%Rio de JaneiroRJ
TuyoPra Curar331518%CuritibaPR
Maurício PereiraOutono No Sudeste331518%São PauloSP
Ava RochaTrança331518%Rio de JaneiroRJ
Teto PretoPedra Preta321617%São PauloSP
RubelCasas321617%Rio de JaneiroRJ
Karol ConkáAmbulante281715%CuritibaPR
E A Terra Nunca Me Pareceu Tão DistanteFundação281715%São PauloSP
El EfectoMemórias do Fogo241813%Rio de JaneiroRJ
Dingo BellsTodo Mundo Vai Mudar241813%Porto AlegreRS
JosyaraMansa Fúria231913%SalvadorBA
Erasmo CarlosAmor É Isso231913%Rio de JaneiroRJ
EdgarUltrassom231913%GuarulhosSP
André AbujamraOmindá222012%São PauloSP
The BaggiosVulcão202111%São CristóvãoSE
Lupe de LupeVocação202111%Governador ValadaresMG
Diomedes ChinaskiComunista Rico202111%PaulistaPE
CataventoAnsiedade na Cidade192210%Caxias do SulRS
Bixiga 70Quebra-Cabeça192210%São PauloSP
RashidCrise17239%São PauloSP
KassinRelax17239%Rio de JaneiroRJ
FBCS.C.A.17239%Belo HorizonteMG
Cordel do Fogo EncantadoViagem ao Coração do Sol17239%ArcoverdePE
Ruído/mmA é Côncavo, B é Convexo16249%CuritibaPR
MulambaMulamba16249%CuritibaPR
CambrianaManaus Vidaloka16249%GoiâniaGO
Alice CaymmiAlice16249%Rio de JaneiroRJ
CoraEl Rapto15258%CuritibaPR
AutoramasLibido15258%Rio de JaneiroRJ
Menores AtosLapso14268%Rio de JaneiroRJ
MahmedSinto Muito14268%NatalRN
JãoLobos14268%Américo BrasilienseSP
AngraOmni14268%São PauloSP
Adorável ClichêO Que Existe Dentro de Mim14268%FlorianópolisSC
Rodrigo Campos9 Sambas13277%ConchasSP
HueyMa13277%São PauloSP

Por Região

O Sudeste lidera as indicações com 31 projetos musicais no TOP 51: 14 artistas do estado de São Paulo, 13 do Rio de Janeiro, 3 de Minas Gerais e 1 do Espírito Santo.

O Nordeste mostra novamente sua força com 10 artistas no bolo: A Bahia vem forte com 4 artistas, seguido de Pernambuco, com 3, e Maranhão, Sergipe e Rio Grande do Norte, cada um respectivamente com uma indicação.

O Sul do país conta com 8 representantes em nossa linha de frente: Paraná lidera com 5, seguido do Rio Grande do Sul, com 2, e Santa Catarina com 1 representante.

O Centro-Oeste aparece com dois artistas de Goiás.

Presença Feminina e
Pluralidade de Estilos

Do TOP 51 listados, 18 projetos possuem mulheres em sua formação, sendo 12 projetos solo e 6 com banda (sendo mista ou apenas de mulheres). No geral, o número de artistas solo também surpreende! Ao todo são 29 dos 51 listados.

Por mais que consigamos colocar em #tags os artistas do TOP 51, assim como na lista de 2017, é fácil notar como existe claramente uma mistura de ritmos e um viés mais eclético dentro das produções.

Rap, MPB, Rock Alternativo, Experimental, Metal, pós-rock, pop, regionalismos, baião, eletrônica, synthpop, punk rock, garagem, Stoner Rock e outros gêneros musicais acabam mostrando como é o consumo de música não só dos críticos musicais, e dos artistas, mas como do público em geral.

Mainstream

O Mainstream por sua vez também marcou presença e artistas com boa penetração em mídias de massa, e com bons acordos com majors, também caíram nas graças de quem monta listas.

Um bom exemplo disto é no TOP 51 termos menções a artistas como Gilberto Gil, Pabllo Vittar, Karol ConkaGal Costa e Erasmo Carlos.

Você também pode contribuir

Ainda existem lacunas nas tabelas e você pode ajudar com que ela fique cada vez mais completa. Como lembra Pena em seu artigo:

“O trabalho deve prosseguir, ampliar o alcance, queremos povoar as planilhas com dados e dividir com vocês. Precisamos voluntários, estagiários e estímulo.

Fim da parte um, agora vem a sua leitura e interpretação do samba, seus comentários. A partir desta conversa segue o baile. A grande planilha estará disponível para interessados. Mande um email para listadaslistas@gmail.com

Playlist no Spotify

Recentemente Pena Schmidt, curador que atualmente mede esforços na #ListaDasListas, decidiu fazer um recorte da música produzida na cidade de São Paulo ao longo de 2018.

Carinhosamente ele apelidou sua playlist no Spotify de “São Paulo: 4 Estações no Mesmo Dia“. Já que por aqui uma hora chove, na seguinte o sol se abre e de repente sentimos aquela “friaca”. “Normal” diria qualquer cidadão paulistano.

Como podemos notar sua playlist reflete muito deste período pulsante da nova música brasileira. Uma geração ativa que não tem medo de se posicionar ideologicamente. Procura muitas vezes através da empatia tentar quebrar velhos hábitos do velho mundo. São vários ritmos e parcerias, seja na hora de compor, como na hora de gravar.

Sobre seus critérios Pena comenta: “Para saber a onda que percorre esta cidade-planeta ouça a música que se faz aqui, agora. Fui buscar estas faixas a partir de indicações em 160 listas de Melhores Discos Brasileiro de 2018, presentes na #ListaDasListas. Selecionei apenas trabalhos vindos de São Paulo e que se parecem com a cidade”

Confira a Playlist
clicando aqui!