[Premiere] Alpargatos e Valentin lançam session delicada para “Bonecas Russas”

No dia 20/07 a banda porto alegrense Alpargatos lançou o EP O Chão é Lava via Escápula Records. Segundo o conjunto, o registro fala sobre a vida quando não é mais possível resistir, onde o indivíduo precisa se encontrar no futuro que tentou evitar a todo custo. Futuro esse que não é o caos, a tecnologia e a assepsia da ficção científica, mas sim o futuro próximo, iminente, que nos bate à porta nesse exato momento.”

Não é preciso nem dizer o quanto isto bate com o medo iminente do momento em que estamos vivendo. Onde temos muitos medos e poucas certezas de um futuro muito diferente da obra de Kubrick.


ALPARGATOS e Valentin #2 (horizontal) _ por Bruno dos Anjos
Érico Junqueira (Valentin) e Leonardo Braga (Alpargatos). – Foto Por: Bruno dos Anjos

Parceria

Acontece que o Leonardo Braga (guitarrista e produtor do quarteto) produziu “Carnaval” da Valentin. Este que é o projeto solo de Érico Junqueira que ficou conhecido pelos seus 10 anos à frente da banda doyoulike?. Sob a alcunha de Valentin ele já lançou três discos, dois EPs e dois singles.

Leo ainda acompanhou Érico ao vivo com um show em formato duo de violão. Consequentemente a relação entre eles ficou mais estreita. Da parceria veio o convite para gravar um clipe/live session para “Bonecas Russas”.

“Bonecas Russas fala de seres empilhados dentro de nós. De como somos múltiplos, diversos e pouco sabemos sobre esses outros que nos habitam. Quando eu compus essa canção eu tive um sentimento esquisito, mas muito bonito, de libertação.

Como se eu tivesse conseguido traduzir uma parada que vivia, assim, na minha volta, só esperando que eu pescasse, que eu trouxesse pra consciência. Foi um nirvana artístico muito doido. Foi como me ver em vários, me ver de fora, bem do jeito que mostra a canção. Foi um processo quase que dolorido, mas muito importante pra mim.”, comenta Afonso Antunes

Sendo assim eles registraram em um teatro localizado na zona sul de Porto Alegre uma session que teve na direção, fotografia e montagem assinadas pelo baixista Bruno dos Anjos.

O vídeo foi realizado em parceria com a Preto Filmes e foi gravado no Teatro Nilton Filho, espaço independente fundado em 1990.

“Traduzir visualmente o universo de “Bonecas Russas” foi um processo bem desafiador porque – apesar da materialidade do refrão – ela se constrói toda em imagens subjetivas e muito íntimas. Então, antes de pensar em algum roteiro ou linguagem audiovisual, fui atrás de um lugar que me trouxesse essas mesmas sensações, um espaço que permitisse e incentivasse o ato de existir em camadas.

Acabei no depósito de um pequeno teatro, na Zona Sul de Porto Alegre, entre cabides, perucas, espelhos e a dedicação de um casal que faz de tudo pra manter mais um reduto da arte independente da cidade . Aí foi só ligar a câmera e captar, entre um verso e outro, a essência silenciosa e potente dali.”, conta Bruno dos Anjos



A Versão

“Essa nova versão foi composta pelo Léo, que também tava produzindo o Valentin na época e sentiu que a canção poeticamente fazia muitos paralelos com a verdade do Érico, na forma de cantar, de compor, de enxergar a vida e traduzir as angústias.

Quando o Léo nos mandou uma primeira guia – a partir da versão original – de cara nós percebemos que seria perfeito fazer esse junção. O Érico logo topou o convite e foi super ativo na criação dos arranjos das vozes e na construção da versão. Foi uma troca muito especial, desde a criação até a gravação do vídeo.

O Valentin emana uma energia muito bonita, muito densa, que foi o que deu o tom desse trabalho. Acho que “Bonecas Russas” se ressignificou a partir dele e se tornou uma canção ainda maior do que era antes.”, finaliza Afonso sobre a versão e a participação de Valentin.

Turnê pelo Sul

Além do single os músicos tem realizado uma pequena turnê em parceria. Tendo seu início em setembro eles ainda contam com algumas datas a realizar por cidades do sul do país.

Eles tem ainda shows marcados em Passo Fundo (RS) (19/10 na Casa de Cultura Vaca Profana), Chapecó (SC) (20/10 no Magnólia Festival) e Canoas (RS) (26/10 no Estúdio Black Bird).

Ouça a versão no Spotify


Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s