Lavolta pede ajuda para lançar seu primeiro disco

aviso

Parem tudo que estiverem fazendo e vejam este vídeo:

Ok, já entendemos que é uma campanha de catarse para arrecadar fundos para a prensagem do disco, o merch e as premiações dos próprios pacotes do catarse mas quem é Lavolta?

Lavolta segundo o baterista Enzo:

“Nós já estamos na ativa tem um bom tempo Eu (baterista), o baixista e o guitarrista tocamos juntos já tem uns 7 anos e tivemos duas bandas antes da Lavolta. Com a Lavolta, nessa formação, estamos desde o começo de 2014. Já havíamos lançado um outro EP, mas retiramos tudo relacionado ao passado da banda da internet.”

A banda surgiu em 2011 no ABC paulista, porém a formação atual do grupo – que está junta desde o fim de 2014 – conta com Lorenzo Capelli (Vocalista), João Pedro Cesar (Guitarra), Paulo Henrique Marcilio (Baixo) e  Enzo Corsi Janota Pellegrino (Bateria).

maira
Lavolta foto por: Maíra Del Pech

Sobre a origem do nome da banda, eis uma bem humorada coincidência por trás de uma história nada convencional relatada por Enzo:

“Eu tava lendo a biografia do Dave Grohl e ele fala de uma banda que tem VOLTA no meio achei interessante a sonoridade e tal, e comecei a trocar ideia com o baixista sobre isso e surgiu LAVOLTA não significa nada em especial (risos). Depois que fomos ver que isso é o nome de uma dança da renascentista.”

Também ficou curioso para saber o que seria essa tal dança ~mística~ e com levada digna de Belle Époque? PS: Professores de história, sei que é outra época mas utilizei o termo como força de expressão, me perdoem. Ou não. 

Agora fica o apelo para eles dançarem assim nos shows. Não é mesmo? cobrem!

Cheio de mistérios e isso é um ótimo motivo para darmos uma chance para ver qual é a da Lavolta versão 2016. Afinal, o recomeço dos caras vem de quebra com um disco todo conceitual, que eles preferem rotular como: rock alternativo para não deixar dúvidas.

todos

Para alcançar os planos de lançar um álbum convencional eles artisticamente colocaram um plano em prática, nada ortodoxo, diga-se de passagem:

“Por questões financeiras, a gente não tinha como gravar o CD completo de uma vez só, então aproveitamos para dividir a história do CD em três partes (ESCAPECALVÁRIOREMATE) e lançamos as duas primeiras partes. No disco, vai ter as duas primeiras partes, a terceira parte (REMATE) e mais 3 músicas bônus, que são acústicas.” diz Enzo Pellegrino, baterista da Lavolta

Mas antes de ouvir as primeiras partes liberadas, conheça a história por trás do CD:

“Em SUBLIMAR, nós contamos a história de uma pessoa que está com seus 20 e poucos anos e tá nessa transição de adolescente -> adulto. E esse período foi divido em três partes.”

“Na primeira parte, ESCAPE, é a personagem com o botão do foda-se ligado. Faz o que quer, como quer e sem se importar com os outros. Doa a quem doer, sou o rei de mim mesmo. Isso se reflete nas músicas. Elas são mais rápidas, agitadas.” conta Enzo

“Passando para a parte dois, Calvário, essa pessoa percebe que não dá pra viver daquele jeito, sendo o centro de tudo e esperando que os outros orbitem à sua volta sem que se queimem com a suas explosões. Para toda ação existe uma consequencia. E isso é assustador. A personagem passa a se deprimir, a deixar um sentimento mais triste dominar. O que também reflete na música, pois nessa parte elas são bem mais tranquilas e tem letras bem pesadas.”

A terceira parte que estará disponível após o lançamento do CD – mas que para isso é de extema importância a participação de todos no projeto do catarse – é a REMATE.

“A terceira e última parte, REMATE, é sobre sair dessa tristeza que estava dominando em CALVÁRIO e ver que as coisas não são preto/branco, existem vários tons de cinza. Tudo não é sempre feliz nem triste. REMATE é sobre o amadurecimento da pessoa.
Fizemos essa história de forma que fosse ouvida continuamente, tanto que as músicas tem emendadas uma na outra mas elas também podem ser ouvidas individualmente e fora de ordem.”finaliza Enzo Pellegrino

Aliás, nos últimos dias o disquinho ganhou o primeiro webclipe da canção que também da nome ao álbum: “Subliminar”

praa

Perguntei também para o baterista quais as bandas da cena ele recomendaria para vocês leitores do Hits Perdidos:

“Sobre bandas da cena, tem o pessoal da Elizia (uma banda de minas muito boa), a Alaska (os caras são daqui de SP e amigos nossos), e também tem Universo Relativo (que estão pra lançar um CD também). Vale a pena ir atrás!

Então é isso pessoal: Preparem o martelo, estourem o cofrinho e ajude o sonho dos caras a se tornar realidade.

cofri

Mas Hits Perdidos quais as recompensas do projeto do Catarse?

Fácil, basta clicar nesse link para saber.

Até que dia posso contribuir?

No dia 18/03, a campanha se encerra ou seja: vocês tem ainda um mês para fazer sua contribuição. Caso eles não alcancem a meta: o dinheiro será devolvido integralmente. Mas vocês não vão querer ver a cara triste de desgosto dos caras, não é mesmo? Eles já arrecadaram cerca de 70% do dinheiro necessário para alcançar a meta até então: agora é a sua vez.

8 panel CD-size digipak with matte coating, spot UV, silver foil stamping

Facebook
Catarse
Twitter
Youtube
Soundcloud

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s