O universo macabro dos quadrinhos de Robert Smith

De vez em quando, diretores de arte em seu tempo livre ou como projeto estritamente recreativo criam trabalhos relacionados a música, seja por pura diversão ou apenas por mostrar uma nova skill em seu portifólio.

O que faz sentido pois assim como a ilustração, a música não deixa de ser uma expressão artística e tudo se complementa.

Mas o artista em questão, Butcher Billy, foi além no mundo imaginativo dos fãs de música. Ele decidiu misturar com outro universo bastante contemplado pelos dois mundos….

Sim, o universo dos quadrinhos é seu paraíso. O diretor de arte é brasileiro, apesar do codinome “gringo” Butcher Billy é curitibano. E desenvolve uma porção de artes que poderíamos considerar extra curriculares, algo na pegada Rock’n’Roll High School.

O universo da cultura pop o fascina na hora de criar, e a mutação dos universos, ou melhor dizendo transmídia é a corrente elétrica que dá a liga em seus insights criativos.

O primeiro trabalho dele que veio ao meu conhecimento foi o do The Cure. Mas precisamente de uma série de quadrinhos inspirados na saga de uma espécie de Batman dos anos 80, Robert Smith.

Screen Shot 2016-01-07 at 2.12.23 PM

Repare no detalhe que funde o mundo dos quadrinhos, a poesia de Robert Smith e a data de publicação, sendo próxima ao do lançamento do single.

Durante esse crossover de estilos, a temática dos filmes de terror é somada aos dois universos. Assim, Jason, Evil Dead e The Return Of The Living Dead não poderiam mesmo ficar de fora no imaginativo mundo macabro de Robert Smith.

Screen Shot 2016-01-07 at 2.22.11 PM

O universo do Sci-fi também esta presente nessa série de quadrinhos artísticos. Certeza que alguns leitores no momento estão ansiosos para que os ET’s tenham forma de Robert Smith e cheguem logo na terra para Abduzí-los.

Screen Shot 2016-01-07 at 2.22.45 PMScreen Shot 2016-01-07 at 2.22.57 PM

Os principais hits do grupo inglês estão retratados, e o mundo gótico e fúnebre das canções do grupo, desperta um universo sem limites. Está por exemplo de Pictures of You é uma crítica atual sobre o universo narcisista das famosas #Selfies.

Screen Shot 2016-01-07 at 2.23.08 PMScreen Shot 2016-01-07 at 2.23.33 PM

O artista nos mostra o lado mais cruel e sádico de Robert Smith. Seria ele um louco apaixonado ou apenas mais um psicopata com evidências em forma de hits dançantes?

Screen Shot 2016-01-07 at 2.23.17 PMScreen Shot 2016-01-07 at 2.23.25 PM

E o monstro assume diversas formas conforme a narrativa da música em questão. O trabalho é feito com uma extrema delicadeza e não deixa nenhum dos universos ficar sem ser completamente explorado.

This slideshow requires JavaScript.

Para quem gosta de apreciar o processo de criação, vale a pena ainda conferir as imagens antes de colorir, ou quem sabe imprimir e dar para os filhos fazerem uma arte. Melhor que os Top Sellers de colorir que vemos por aí, não é mesmo?

Butcher Billy também imaginou se suas peças fossem para a rua…

Screen Shot 2016-01-07 at 2.38.17 PMScreen Shot 2016-01-07 at 2.38.24 PMScreen Shot 2016-01-07 at 2.38.31 PM

Mas não é a primeira vez que Butcher Billy brinca com o universo de super heróis e anos 80. Neste trabalho, ele retrata artistas do post punk/new wave como se fossem verdadeiros Super Amigos. Neste outro ele retrata os mesmos ícones como personagens da Marvel. Ramones curtiu isso.

Bowie, DEVO, Buzzcocks, Sex Pistols, The Smiths e o universo do cinema também são contemplados na pasta do artista que vale a pena ser conferida em seu perfil no Behance.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s